Um urso bem curioso está entre os vencedores do concurso Wildlife Photographer of the Year 2021

Um urso bem curioso está entre os vencedores do concurso Wildlife Photographer of the Year 2021

Todo ano é sempre a mesma expectativa: quem serão os grande vencedores do Wildlife Photographer of the Year? Afinal, há 57 anos o Museu de História Natural de Londres promove esse que é considerado o mais importante concurso de fotografia da vida selvagem. A competição, considerada um “Oscar” dessa área, promove e valoriza o trabalho de profissionais do mundo inteiro, assim como estimula a conscientização sobre a importância da preservação e conservação da fauna e da flora do planeta. E ontem (12/10), numa transmissão online, que teve como mestre de cerimônia o  ambientalista e apresentador inglês, Chris Packham, foram revelados os nomes dos premiados de 2021.

Este ano o prêmio principal foi para o fotógrafo francês Laurent Ballesta, que flagrou o momento da desova anual das garoupas. A imagem, feita durante a noite, mostra uma nuvem leitosa de esperma e óvulos se misturando à água, iluminada pela lua cheia. O registro também conquistou o 1o lugar na categoria “Subaquática”.

Um urso bem curioso está entre os vencedores do concurso Wildlife Photographer of the Year 2021

Já na categoria “Animais em seu Habitat” a foto divertida de um urso grizzly, dando uma espiadela na armadilha colocada por Zack Clothier foi a escolhida pelos jurados (imagem que abre este post). Logo atrás dele está uma carcaça de um veado.

Na categoria “Comportamento: Aves”, Shane Kalyn conseguiu registrar um momento especial de troca entre um casal de corvos. O contraste entre a plumagem tão negra e a neve ao fundo é belíssimo.

Um urso bem curioso está entre os vencedores do concurso Wildlife Photographer of the Year 2021

Também feita durante o inverno, a fotografia do italiano Stefano Unterthiner, vencedora da categoria “Comportamento: Mamíferos”, logo abaixo, mostra o embate entre duas renas, disputando o controle do grupo.

Um urso bem curioso está entre os vencedores do concurso Wildlife Photographer of the Year 2021

Ainda na categoria comportamento, mas dessa vez, “Invertebrados, Gil Wizen fez essa imagem incrível, em que uma aranha está tecendo seus fios, ao redor de seus ovos.

Mas nem tudo revela beleza. Uma cena muito triste fez com que Adam Oswell fosse o escolhido na categoria “Fotojornalismo”, com o registro de um show com um elefante, embaixo d’água, num zoológico.

Nesta edição, o Wildlife Photographer of the Year recebeu um número recorde de inscrições: 50 mil, vindas de 95 países. Os demais trabalhos premiados você encontra neste link.

Leia também:
Wildlife Photographer of the Year: uma espiadela nos destaques da edição 2021
Comedy Wildlife Photography: os flagrantes divertidos e vencedores da edição 2020
Registro de tigresa siberiana abraçando uma árvore é vencedor do Wildlife Photographer of the Year 2020

Fotos: divulgação Wildlife Photographer of the Year

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta