Lideranças indígenas vão à Europa para denunciar o governo Bolsonaro

De 17 de outubro a 20 de novembro, comitiva formada por sete líderes indígenas visitará 18 cidades de 12 países europeus para encontrar autoridades políticas, ativistas e outras lideranças e denunciar graves violações contra os direitos dos povos indígenas e o meio ambiente desde o início deste ano, quando Bolsonaro tomou posse como presidente

Ler mais