Morre Jaider Esbell, um dos maiores artistas indígenas brasileiros, principal destaque da Bienal de São Paulo

Estava no auge de sua trajetória, como artista (artivista, como preferia ser chamado) e estudioso. Pensador contemporâneo e “articulador de mundos”, também assina mostra com 32 artistas indígenas no MAM/SP, no mesmo Parque Ibirapuera. Recentemente, teve duas obras adquiridas pelo Centre Georges Pompidou, de Paris

Ler mais

Bienal de SP tem a maior participação de artistas indígenas de sua história, também em mostra exclusiva no MAM

A 34ª edição abriga megaexibição que exibe obras de cinco artistas indígenas brasileiros – Daiara Tukano, Sueli Maxakali, Uýra, Gustavo Caboco e Jaider Esbell, que ainda é curador de mostra exclusiva de arte indígena contemporânea no Museu de Arte Moderna. Os dois espaços ficam no Parque Ibirapuera

Ler mais