O mico-leão-dourado enfrenta uma nova ameaça: a febre amarela

Em maio de 2018, a primeira morte de um exemplar da espécie foi registrada no ambiente natural após um surto da doença em todo o Brasil. Preocupantes 32% da população desapareceram no ano seguinte. Segundo especialistas, a doença pode fazer retroceder em trinta anos os esforços de conservação da espécie

Ler mais

Aumento no número de mortes de macacos por febre amarela aponta que vírus se espalha no Paraná

Os macacos não transmitem a doença, mas são sentinelas e avisam quando o vírus está próximo. O Ministério da Saúde emitiu um alerta de que o Brasil está em risco de ter uma nova epidemia de febre amarela, devido ao grande número de primatas encontrados mortos nas regiões sul e sudeste do país

Ler mais

Parques da zona sul de São Paulo são fechados após morte de sagui com febre amarela

Depois da confirmação feita pelo Instituto Adolfo Lutz de que o macaco encontrado morto em uma casa no bairro de Santo Amaro tinha mesmo a doença, quatro parques foram fechados na região. Desde julho de 2017, 81 pessoas já morreram de febre amarela no país

Ler mais

Febre amarela mata todos os macacos bugios do Horto Florestal de São Paulo

Nas últimas semanas, foram encontrados 67 bugios sem vida. É importante lembrar que os animais são tão vítimas da doença como nós e não transmitem o vírus. Eles são, na verdade, considerados importantes alertas e sentinelas para a febre amarela

Ler mais

Registro de primeiras mortes aumenta alerta sobre a febre amarela na região Sudeste

Nas regiões mais afetadas pelo novo surto – São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Bahia -, postos de saúde estão oferecendo a vacina contra a doença para a população. Confira as recomendações da médica infectologista Ana Marli Sartori

Ler mais

Bugios: eles não precisam de mais uma ameaça!

O comovente olhar do bugio, registrado pelo fotógrafo Leonardo Merçon, é um grito por ajuda! Macacos não transmitem febre amarela. Ajude a divulgar esta informação!

Ler mais

O silêncio dos bugios inocentes

O surto de febre amarela se alastra por regiões silvestres de Minas Gerais e Espírito Santo e arrasa com os primatas, principalmente os bugios. E esta espécie ainda sofre com a ignorância das pessoas que os matam por medo da doença

Ler mais