Ângelo Machado, cientista, escritor e “um grande líder da conservação da biodiversidade”, morre aos 85 anos

Ele era escritor, cientista, médico, ambientalista e entomólogo – apaixonado por libélulas – e lecionou até o ano passado. Deixa um imenso legado em todas as áreas em que atuou. Por meio da literatura e do teatro, ensinou crianças e adolescentes a amarem a natureza. Este ano, se dedicava a terminar seu livro de memórias, mas o coração parou antes

Ler mais

Campanha pede que Machado de Assis seja retratado como ele era: um escritor genial e negro

Já passou da hora da sociedade brasileira se retratar com um dos maiores, se não, seu maior autor. “E para que todas as gerações reconheçam a pessoa genial e negra que ele foi”, diz a campanha #MachadodeAssisReal

Ler mais