COP27 aprova fundo para financiar perdas e danos nos países vulneráveis, mas fraqueja sobre corte de emissões e combustíveis fósseis

Conferência do clima da ONU, realizada no Egito, decide enfim criar fundo para perdas e danos, mas fracassa em atacar o ponto central da crise climática: os combustíveis fósseis. O embate entre países ricos e pobres impediram que se chegasse a um acordo substantivo sobre como acelerar o corte de emissões de modo a evitar que o aquecimento global ultrapasse 1,5ºC neste século

Ler mais

“Não há segurança climática para o mundo sem Amazônia protegida”, afirma Lula na COP27

Presidente eleito cobrou o financiamento climático dos países ricos para os mais pobres, defendeu a realização da COP na Amazônia em 2025 e deu o contorno da política externa do novo governo. “O Brasil está de volta”, afirmou Lula

Ler mais

Após anunciar desbloqueio do Fundo Amazônia, Noruega avalia aumento de financiamento destinado a projetos de preservação

Até ser interrompido em 2019, o Fundo Amazônia promovia e apoiava projetos para a prevenção e combate ao desmatamento e ainda, para o uso sustentável da floresta. Mas governo Bolsonaro tentou mudar regras e com a alta no desmatamento, recursos da iniciativa foram congelados

Ler mais

Brasil, Indonésia e Congo se unem para proteger as maiores florestas tropicais do mundo

Um pacto de cooperação foi assinado na COP27 por representantes dos três países. Um dos objetivos da parceria é conseguir mais investimento para a proteção das florestas através de um novo mecanismo de financiamento, cobrando de outras nações pelos serviços ambientais prestados para o planeta todo, como a regulação do clima e a absorção de gás carbônico

Ler mais

Ativistas protestam contra uso de jatinhos e presença de lobistas de combustíveis fósseis na COP27

Há 636 representantes de companhias de petróleo e gás registrados para participar nesta COP, um aumento de 25% em relação à última edição do encontro, em Glasgow, na Escócia

Ler mais

“Enquanto elas estão lucrando, o planeta está queimando”, diz Gaston Browne na COP27, ao cobrar impostos sobre emissões de petrolíferas

Durante seu discurso na conferência, o primeiro-ministro de Antígua e Barbuda cobrou a responsabilidade financeira das empresas que exploram combustíveis fósseis pela emissão de gases de efeito estufa e seu impacto no meio ambiente. “Produtores perdulários de combustíveis fósseis se beneficiaram de lucros exorbitantes às custas da civilização humana”, acusou

Ler mais

Empresas agropecuárias anunciam meta de desmatamento ilegal na cadeia produtiva até 2025, mas ambientalistas querem fim imediato  

Quatorze das maiores empresas do setor agropecuário do mundo, entre elas a brasileira JBS, anunciaram na COP27, no Egito, um plano de redução de emissões de carbono decorrente do uso da terra em suas operações. O sistema alimentar contribui para ao menos 1/3 do total líquido das emissões globais de gases de efeito estufa

Ler mais

“Fomos aqueles cujo sangue, suor e lágrimas financiaram a revolução industrial. Pagaremos agora pelo seu impacto?”, questiona Mia Mottley

Durante seu discurso na COP27, a primeira-ministra de Barbados relembrou catástrofes ocorridas nos últimos meses, todas associadas com a crise climática. Ela ressaltou a responsabilidade de líderes do Hemisfério Norte em agir, todavia, afirmou que falta vontade política para tal

Ler mais

Conferência da ONU sobre mudanças climáticas começa no Egito à espera de Lula

Presidente eleito é maior novidade política da COP 27, realizada no balneário egípcio de Sharm El-Sheikh, sombreada pela guerra e pela desconfiança entre os países. Ele tem feito acenos em série à agenda climática, o que pode ajudar a recuperar o protagonismo do Brasil nas conferências da ONU

Ler mais

Campanha da ONU para a COP 27, no Egito, alerta sobre vítimas da crise climática que, até 2050, devem chegar a 216 milhões

No vídeo de animação deste ano, a organização revela o que mais preocupa os especialistas, na prática, para muito além dos números sobre destruição ambiental. De acordo com as previsões, é como se um “Brasil inteiro” precisasse mudar de endereço

Ler mais