PUBLICIDADE

Onda de calor leva Rio de Janeiro a registrar sensação térmica recorde de 62,3ºC, a maior desde 2014

Onda de calor leva Rio de Janeiro a registrar sensação térmica recorde de 62,3ºC, a maior desde 2014

Atualizado em 18/3/2024
Ontem, domingo (17), às 9h55 (ou seja, mais cedo do que no sábado), o Rio de Janeiro registrou 62,3ºC de sensação térmica na Estação Metereológica de Guaratiba, de acordo com o Sistema Alerta Rio
.

Desde 2014 – quando o órgão começou a fazer medições -, essa é a maior sensação térmica já registrada.

O bairro do Jardim Botânico, na zona sul da cidade, marcou a maior sensação térmica deste domingo, com 54,3°C às 8h45, enquanto Guaratiba, às 9h, estava com 53,2°C, e a Barra da Tijuca, 51°C, às 8h50.

Ontem também, até 17h, as três maiores temperaturas foram registradas também em Guaratiba, com termômetros marcando 40,4°C. Na Barra da Tijuca, 39°C, e, em Irajá, 39,8°C.

Hoje, (18), o calor continua firme: a previsão é de temperatura máxima por volta de 39°C e sensação térmica acima de 50°C (um pouco menor do que no fim de semana).

A seguir, o post publicado em 16/3 sobre o primeiro recorde no Rio de Janeiro.
__________

Hoje (16), Dia Nacional de Conscientização sobre as Mudanças Climáticas, a Estação Meteorológica de Guaratiba, na zona oeste da capital fluminense, registrou sensação térmica recorde de 60,1ºC, às 10h20. O marco foi divulgado pelo Sistema Alerta Rio, da prefeitura carioca.

Em 18 de novembro do ano passado, a mesma estação registrou o recorde anterior: 59,7ºC.

A sensação térmica leva em consideração não apenas a temperatura, mas também a umidade relativa do ar. E quando as temperaturas estão muito elevadas e há alta umidade, o resultado é o aumento da sensação térmica.

A recomendação, nestes casos, é sempre evitar exposição prolongada ao sol e hidratação constante.

São Paulo pode bater recorde do dia mais quente de março

Esta semana, nos dias 14 e 15, a cidade de São Paulo registrou os dias mais quentes de março, com temperaturas de 34,3°C (que já havia sido registrada em 2012). Esta é a maior temperatura verificada no mês, na capital paulista, desde 1943, quando começaram as medições.

Mas, de acordo com o ClimaTempo, neste final de verão, a capital paulista também podem registrar recordes devido ao calor excepcional em todo o Estado. Ontem, a previsão apontava para temperaturas de 35°C para o sábado (chegou a 32º) e para o domingo.

Centro-Oeste também na mira

Uma nova onda de calormarcada por temperaturas entre 3ºC e 5ºC acima da média – atinge as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste desde 13/3, o que fez o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitir alertas de perigo e grande perigo nessa área do Brasil.

Neste fim de semana e durante toda a semana (o outono começa oficialmente em 20/3) os termômetros podem facilmente ultrapassar 30ºC em diversas cidades, como Rio de Janeiro e São Paulo.

Para a MetSul Metereologia um dos principais geradores de conteúdo de informação meteorológica do Conesul (porção sul do continente americano) -, as altas temperaturas são ocasionadas por uma bolha de calor que deve se instalar na Argentina e no Paraguai.

Isso é péssimo para o Centro-Oeste. No caso do Mato Grosso do Sul, principalmente na fronteira com a Bolívia e o Paraguai e no Pantanal, devendo afetar a maior parte de seus municípios. O calor excessivo também atinge o sudoeste do Mato Grosso e Goiás.

Esse calor intenso resulta de alta pressão atmosférica, que provoca a descida do ar para a superfície da Terra, dificultando a formação de nuvens e deixa o tempo muito seco. Sem nuvens, a radiação solar alcança a superfície com maior intensidade, aumentado a pressão e comprimindo o ar, o que eleva a temperatura e impede que frentes frias vindas do mar entrem no país, restringindo-se s à costa.

___________

Agora, o Conexão Planeta também tem um canal no WhatsApp. Acesse este link, inscreva-se, ative o sininho e receba as novidades direto no celular

Com informações da Agência Brasil e do G1

Foto: Poswiecie/Pixabay

Comentários
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Notícias Relacionadas
Sobre o autor
PUBLICIDADE
Receba notícias por e-mail

Digite seu endereço eletrônico abaixo para receber notificações das novas publicações do Conexão Planeta.

  • PUBLICIDADE

    Mais lidas

    PUBLICIDADE