Não pode ir à Mostra Ecofalante de Cinema (Socio) Ambiental? Assista a 14 filmes do festival pelo SPCine Play, online e de graça!

Todos os anos, próximo da realização do maior festival de cinema socioambiental da América do Sul – a Mostra Ecofalante – lamento que ele não possa circular por outras cidades pra impactar mais brasileiros com sua curadoria especial. Mas, nesta 8a. edição, o evento trouxe uma belíssima novidade: durante sua realização, de 30 de maio a 12 de junho, 14 dos filmes selecionados para a mostra estão disponíveis na plataforma de streaming SpCine Play, gratuitamente para todo o Brasil. Vale ressaltar que, como em toda plataforma de streaming, é preciso fazer cadastro: indicar e-mail e senha, mas é rapidinho.

Esta pequena seleção destaca – que privilégio!! – dez obras do cineasta Silvio Tendler, o homenageado da mostra este ano. Entre elas, o inédito Sonhos Interrompidos, sobre o ambiente político brasileiro dos anos 1960,que foi exibido no final de maio no 9o. Festival do Cinema Politico, na Argentina.

No site da Mostra Ecofalante, a resenha o apresenta assim: “Nos anos 1960, o Brasil foi pautado pela luta por igualdade. Uma série de pensadores seminais colocaram a fome, a partilha da terra, a educação e o desenvolvimento em discussão. Estudantes, artistas e intelectuais desejaram mudar o mundo, mas o que o país viu foi o presidente João Goulart, que idealizou as Reformas de Base, ser deposto por um golpe militar. Apesar disso, o que o filme procura nos mostrar é que sonhos interrompidos podem fazer germinar novas sementes, novos sonhos. Essa é a função da História: impulsionar-nos para novas lutas”. Muito inspirador neste momento político do Brasil”.

Também há ótimos filmes biográficos de Tendler nesta lista especial: Glauber o Filme, Labirinto do Brasil, Jango (trailler no final do post) e Os Anos JK – Uma Trajetória Política. “Com JK, eu falei sobre democracia, com Jango, eu quis falar sobre Justiça Social”, disse o diretor em entrevista para o Canal Curta.

As demais obras têm forte teor político focado em temas sociais e ambientais: Dedo na Ferida, Encontro com Milton Santos ou O Mundo Global Visto do Lado de Cá, Agricultura Tamanho Família, O Veneno Está na Mesa (trailler no final do post), O Veneno Está na Mesa II e Utopia e Barbárie.

E quero falar um pouquinho, aqui, sobre Dedo na Ferida (foto abaixo): em junho de 2018, o crítico Jorge Alpendre escreveu, no jornal Folha de São Paulo, que esse documentário “é imperdível e deveria ser obrigatório nas escolas”. Sim, ele ajuda a entender o que está acontecendo com a economia no Brasil e também porque a Reforma da Previdência de Bolsonaro só vai favorecer os interesses dos ricos e dos bancos. Reproduzo o trailler no final deste post.

Ainda está disponível na página da Ecofalante, na plataforma SpCine Play, uma obra inédita de Orlando Senna: o documentário Idade da Água, que faz um alerta sobre a falta de água no planeta e sobre o desejo de empresas estrangeiras em explorar a Amazônia.

E finalizam a lista: Krenak, sobre a história da tribo indígena homônima; Palenque, que apresenta o primeiro povoado das Américas a se libertar do domínio europeu, e Parque Oeste, sobre uma mulher que reconstrói a vida lutando por moradia.

A seleção não poderia ser melhor! Todos os temas têm muito a ver com a realidade politica, ambiental, social e cultural do Brasil iniciada com o governo Temer e promovida de forma cruel e perversa por este governo em apenas cinco meses. Vale assistir tudo para se inspirar e se engajar.

Agora, assista a alguns traillers ou vá direto à página da Mostra Ecofalante no site do SpCine Play para assistir aos filmes por inteiro:

Fotos: Reprodução e Divulgação

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na revista Claudia, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, da mesma editora, considerado pela United Nations Foundation como o maior portal no tema. Integrou a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade e, em 2015, participou da conferência TEDxSãoPaulo.

Deixe uma resposta