‘Mostra Ecofalante de Cinema’ exibe 20 filmes em edição especial pela Semana do Meio Ambiente, online e gratuita

'Mostra Ecofalante de Cinema' exibe 20 filmes em edição especial pela Semana do Meio Ambiente, online e  gratuita

Considerado o mais importante festival sul-americano dedicado a temas socioambientais, a Mostra Ecofalante de Cinema selecionou 20 documentários de destaque das dez edições anteriores para exibi-los online e totalmente gratuito  para todo o Brasil, de 1 a 21 de junho, em seu site. A edição especial celebra a Semana do Meio Ambiente, oficialmente comemorada na primeira semana do mês.

“Nessa programação especial, fizemos uma seleção dos filmes internacionais mais importantes – produzidos entre 2009 e 2021 – que passaram pela Mostra, a maioria exibida em São Paulo, com o intuito de levá-los agora a todo o Brasil”, explica Chico Guariba, diretor do evento. 

Antes da pandemia, o festival era realizado em diversas salas de cinema de São Paulo. Com o isolamento e o acesso digital, o evento ganhou ainda mais visibilidade. E continua oferecendo essa opção, mesmo com a liberação das exibições presenciais. 

Mas a programação desta edição dedicada à Semana do Meio Ambiente ainda traz outras atracões: a exibição de um documentário inédito em sessões presenciais, debates online e a exibição de dois filmes especiais na abertura do evento. 

Documentário inédito

Lixo Mutante, de Dani Minussi e Adriano Caron, reflete sobre a questão dos resíduos sólidos por meio de entrevistas e performances, além de propor novas relações entre sociedade, indivíduo e lixo.

O filme será exibido em 3, 4 e 5 de junho, às 19h30, no Centro Cultural São Paulo, com entrada franca, e será seguido de debate, após cada exibição. 

'Mostra Ecofalante de Cinema' exibe 20 filmes em edição especial pela Semana do Meio Ambiente, online e  gratuita

Debates online

Serão realizados também dois debates transmitidos pelo canal do evento no YouTube, em 2 e 8 de junho:

– o primeiro tratará de efemérides importantes: os 30 anos da Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, a Rio-92, e os 50 anos do Relatório Limites para o Crescimento, também conhecido como Relatório Meadows, que foi o primeiro grande alerta da ciência para a insustentabilidade do modo de vida da civilização ocidental, visto que não há recursos planetários suficientes para atender a tanto consumo; e

– o segundo reunirá cineastas e diretores, assíduos participantes de festivais, que debaterão o futuro dos festivais de cinema a partir da retomada pós-pandêmica

‘A Enseada’ e ‘Era uma vez uma floresta’ abrem o evento

Para inaugurar a Mostra Ecofalante de Cinema especial, em 1º de junho, serão apresentadas duas produções que causaram forte impacto junto ao público do festival: A Enseada (The Cove), vencedor do Oscar de melhor documentário de longa-metragem em 2009, e Era Uma Vez Uma Floresta (Once Upon a Forest), de 2013, dirigido pelo francês Luc Jacquet, vencedor do Oscar por A Marcha dos Pinguins, em 2006.

A Enseada mostra como um grupo de ativistas, liderados por um treinador de golfinhos e utilizando equipamentos de última geração, se infiltra em uma enseada escondida no Japão, trazendo à tona um segredo sombrio e mortal. 

Dirigido pelo norte-americano Louie Psihoyos, o longa também conquistou o prêmio do público para documentários no Festival de Sundance, em 2009, entre dezenas de outras premiações.

'Mostra Ecofalante de Cinema' exibe 20 filmes em edição especial pela Semana do Meio Ambiente, online e  gratuita

O espetacular Era Uma Vez Uma Floresta nos revela os segredos e tesouros contidos numa floresta tropical. Por meio de belíssimas animações sobrepostas a cenários reais, o espectador é convidado a testemunhar como nasce uma floresta tropical, em uma jornada nas profundezas da selva.

“Trata-se de um convite para um mundo de maravilhas naturais e beleza surpreendente. O filme fornece uma completa imersão sensorial no esplendor primitivo de um dos mais ricos mistérios da natureza, convocando o público a entrar, descobrir e se maravilhar com um universo de tesouros incalculáveis, enquanto une sua voz à crescente consciência da necessidade de preservar nosso mundo”, destaca o site da Ecofalante. 

Em 2014, Era Uma Vez Uma Floresta foi indicada ao prêmio Cesar (o “Oscar” do cinema francês) na categoria de melhor documentário.

Consulte a programação online desta edição especial no site do evento e siga a Mostra nas redes sociais: InstagramFacebook e Twitter

E já marque na agenda: de 27 de julho a 18 de agosto será realizada a 11ª edição da Mostra Ecofalante de Cinema, anual. 

Abaixo, duas imagens de filmes que estão na seleção especial para te provocar:

'Mostra Ecofalante de Cinema' exibe 20 filmes em edição especial pela Semana do Meio Ambiente, online e  gratuita
‘Safári’, de Ulrich Seidl (2016), causou impacto em audiências de diversos países ao traçar um perturbador retrato da natureza humana. Ele acompanha turistas ricos europeus em safáris para matar espécies muitas vezes ameaçadas de extinção. Com estreia no Festival de Veneza, o filme foi selecionado para mais de 40 eventos pelo mundo, incluindo os festivais de Roterdã, Toronto e CPH:DOX – Festival de Documentários de Copenhagen.
Mais que Mel’, de Markus Imhoof (2012), investiga o desaparecimento de abelhas ao redor do globo, penetrando no fascinante mundo desses animais

Fotos: Divulgação 

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na revista Claudia, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, da mesma editora, considerado pela United Nations Foundation como o maior portal no tema. Integrou a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade e, em 2015, participou da conferência TEDxSãoPaulo.

Deixe uma resposta