PUBLICIDADE

Morte de bodião-azul causa consternação na Austrália

Morte de bodião-azul causa consternação na Austrália

Gus tinha entre 35 e 40 anos e era um velho conhecido dos mergulhadores da região da praia de Oak Park, em Cronulla, na Austrália. O lindíssimo peixe era um bodião-azul-oriental (Achoerodus viridis). Todavia, há poucos dias, ele foi morto com um arpão por um pescador.

Relatos de moradores locais levaram a polícia até o homem, de 26 anos, que matou Gus. Ele recebeu uma multa de $500, algo em torno de R$ 2.500.

O bodião-azul-oriental é o peixe símbolo oficial da Nova Gales do Sul e há leis bastante rigorosas sobre sua pesca.

PUBLICIDADE

“Estamos consternados ao saber que um bodião-azul foi pescado ilegalmente em Cronulla”, afirmaram as autoridades locais em um comunicado. “A espécie é protegida da pesca comercial e da caça submarina”.

“Esse é um peixe costeiro amigável, mas poderoso, que seguirá e interagirá com mergulhadores e nadadores”, lamentou Tara Moriarty, ministra da Pesca e da Agricultura de Nova Gales do Sul. “Eles são gentis e envelhecem nos locais, por isso tantas pessoas os conhecem. É muito triste para a comunidade local de Oak Park Beach”.

Nativo da Austrália, o bodião-azul pode chegar a medir mais de 1 metro de comprimento. Essa espécie de peixe prefere áreas próximas de rochas e é observada a uma profundidade de 40 metros. Costumam se alimentar de invertebrados, como moluscos, camarões, caranguejos e ouriços-do-mar.

Uma curiosidade sobre a espécie é que ele começa a vida como fêmea e torna-se macho quando atinge pelo menos 60 cm de comprimento, um fenômeno chamado de hermafroditismo sequencial.

*Com informações do jornal The Guardian

Leia também:
Peixe que troca de cor também “enxerga” pela pele, descobrem cientistas

Fotógrafo registra raríssimo peixe que anda sobre barbatanas, espécie em risco crítico de extinção
Pesquisadores fazem registro inédito de peixe a uma profundidade recorde de mais de 8 mil metros

Foto de abertura: Sylke Rohrlach from Sydney, CC BY-SA 2.0 via Wikimedia Commons

Comentários
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Notícias Relacionadas
Sobre o autor
PUBLICIDADE
Receba notícias por e-mail

Digite seu endereço eletrônico abaixo para receber notificações das novas publicações do Conexão Planeta.

PUBLICIDADE

Mais lidas

  • PUBLICIDADE