PUBLICIDADE

Morre filhote de guepardo no Irã, onde restam cerca de 50 desses animais

Morre filhote de guepardo no Irã, onde restam cerca de 50 desses animais

Mais um animal que, aos poucos, vai dizendo adeus ao planeta. As autoridades da área ambiental do Irã informaram nesta terça-feira que Pirouz, o filhote de guepardo de 10 meses, que tinha nascido no ano passado, morreu. Ele era o último sobrevivente de uma ninhada de três. Seus outros dois irmãos faleceram pouco depois do nascimento.

Existem cinco subespécies de guepardo no mundo, entre elas, a asiática (Acinonyx jubatus venaticus), que só é encontrada no Irã. Infelizmente, todas estão ameaçadas de extinção.

Segundo comunicado divulgado pelo hospital veterinário de Teerã, Pirouz teve problemas renais. Ele chegou a ser submetido a diálise, mas não resistiu.

“A perda de Pirouz e a ineficácia de todos os esforços feitos pela equipe de tratamento nos últimos dias para salvá-lo entristece a mim e a todos os meus colegas, e pedimos desculpas a todos por não termos conseguido mantê-lo vivo”, declarou Omid Moradi, diretor do hospital.

Os três filhotinhos foram os primeiros nascidos em cativeiro, em maio de 2022, através de um programa de reprodução iniciado para tentar salvar a subespécie da extinção, com apoio das Nações Unidas. Estima-se que só restem cerca de 50 indivíduos adultos na vida selvagem.

Todavia, foram feitas muitas críticas pela maneira como os filhotes vieram ao mundo. Foi necessária a realização de um a cesariana e a mãe rejeitou os animais. Eles precisaram ser alimentados por cuidadores, que segundo relatos, não tinham experiência.

Em farsi, Pirouz significa “vitorioso”. Seu nascimento tinha sido muito celebrado no Irã. Houve um verdadeiro comoção nacional hoje quando sua morte foi anunciada.

Na década de 90, censos indicavam que existiam aproximadamente 400 guepardos no Irã. Mas eles foram desaparecendo vítimas da caça, perda de habitat e atropelamentos.

O guepardo é o mamífero terrestre mais rápido da natureza. Pode atingir uma velocidade de 120 km/hora em apenas três segundos.

Parente próximos do gato-mourisco e do puma, ele é carnívoro. Caça uma grande variedade de presas, geralmente espécies de pequeno a médio porte, que incluem gazelas e impalas. Mas quando está em grupo, o macho se aventura em presas muito maiores. Além disso, também pode atacar pássaros que vivem no solo e pequenos mamíferos, como lebres.

*Com informações dos site da Associated Press e da ArabNews

Leia também:
Após declarados extintos há mais de 70 anos, guepardos vindo da África serão reintroduzidos em florestas da Índia
Dois filhotes de guepardo são os primeiros do mundo a nascer através de fertilização in vitro
Guepardo: rumo à extinção

Foto de abertura: Islamic Republic News Agency

Comentários
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Notícias Relacionadas
Sobre o autor
PUBLICIDADE
Receba notícias por e-mail

Digite seu endereço eletrônico abaixo para receber notificações das novas publicações do Conexão Planeta.

  • PUBLICIDADE

    Mais lidas

    PUBLICIDADE