PUBLICIDADE

Microplásticos são encontrados em testículos humanos e caninos

Microplásticos são encontrados em testículos humanos e caninos

Dias após ser divulgado o resultado de um estudo na França que detectou altos níveis de glifosato, o agrotóxico mais usado no mundo, em 55% de amostras de esperma numa clínica de infertillidade, uma outra análise feita por pesquisadores dos Estados Unidos revelou a presença de microplásticos em tecidos de testículos humanos e caninos.

Segundo a equipe da Universidade do Novo México, envolvida na pesquisa, foram encontrados 12 tipos de micropartículas plásticas em amostras de tecido de 47 cães e 23 homens. O polímero mais prevalente foi o polietileno (PE), usado para fazer sacolas e garrafas plásticas. Em cães, seguiu-se o PVC, utilizado em encanamentos industriais, municipais e domésticos e em muitas outras aplicações.

“Nosso estudo revelou a presença de microplásticos em todos os testículos humanos e caninos”, ressaltou Xiaozhong Yu, professor da universidade e autor sênior do artigo científico publicado na Toxicological Sciences.

PUBLICIDADE

Yu estuda o impacto de fatores ambientais, como a contaminação por metais pesados, pesticidas e outras substâncias tóxicas, na reprodução humana e a recente queda na qualidade e quantidade de esperma nas últimas décadas.

Após outro estudo indicar a presença de microplásticos na placenta, ele se questionou se o mesmo seria detectado nos testículos. As amostras humanas, anônimas, são originárias de tecidos retirados para a realização de biópsias. Já as caninas vieram de abrigos e clínicas veterinárias que fazem a castração de cães.

“No início, duvidei que os microplásticos pudessem penetrar no sistema reprodutivo”, contou Yu. “Quando recebi pela primeira vez os resultados para cães fiquei surpreso. Fiquei ainda mais surpreso quando recebi os resultados para humanos.”

A análise em laboratório apontou que os tecidos humanos apresentavam uma concentração três vezes maior de micropartículas plásticas do que as caninas: 329, 44 microgramas por grama de tecido, enquanto nos cães esse número foi de 122,63 microgramas.

Microplásticos, como o próprio nome diz, são minúsculos resíduos de plástico, com menos de 5 milímetros. Nos últimos anos, eles já foram encontrados em nuvens no topo do Monte Fuji até no sangue de seres humanos.

No caso dos tecidos dos testículos dos cães, os pesquisadores da Universidade do Novo México conseguiram contar o número de espermatozoides e descobriram que níveis mais elevados de PVC estavam associados com uma contagem mais baixa de esperma.

“O plástico faz a diferença – que tipo de plástico pode estar correlacionado com a função potencial”, explica Yu. “O PVC pode liberar muitas substâncias químicas que interferem na espermatogênese e causam desregulação endócrina.”

Ainda de acordo com os pesquisadores, a escolha de testar tecidos de seres humanos e cães não foi por acaso. Ambos vivem muito próximos e muitas vezes dividem o mesmo ambiente, além de compartilhar algumas características biológicas.

“Em comparação com ratos e outros animais, os cães estão mais próximos dos humanos. Fisicamente, sua espermatogênese é mais próxima da humana e a concentração tem mais semelhança com a humana”, afirma o especialista. “A contagem de espermatozoides caninos também parece estar caindo. Acreditamos que cães e humanos compartilham fatores ambientais comuns que contribuem para o seu declínio”.

*Com informações e entrevistas contidas no texto de divulgação da Universidade do Novo México

———————

Agora o Conexão Planeta também tem um canal no WhatsApp. Se você quiser se inscrever para receber nossas notícias, acesse esse link, ative o sininho e receba as novidades direto no celular

Leia também:
Agora, está provado: até o ser humano tem micropartículas plásticas em seu organismo!
Microplásticos são encontrados em camadas profundas de sedimentos de lagos
Estuário de Santos, no litoral paulista, é um dos lugares do mundo mais contaminados por microplásticos

Foto de abertura: divulgação University of New Mexico

Comentários
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Notícias Relacionadas
Sobre o autor
PUBLICIDADE
Receba notícias por e-mail

Digite seu endereço eletrônico abaixo para receber notificações das novas publicações do Conexão Planeta.

  • PUBLICIDADE

    Mais lidas

    PUBLICIDADE