PUBLICIDADE

Mais de 80 animais são encontrados em malas em aeroporto da Tailândia, entre eles, um panda-vermelho

Mais de 80 animais são apreendidos dentro de malas em aeroporto da Tailândia, entre eles, um panda-vermelho

O tráfico de animais silvestres é cruel e bárbaro. E infelizmente existe porque há demanda. De acordo com o Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), a comercialização de animais selvagens é classificada como uma das maiores e mais lucrativas atividades de crime organizado transnacional do mundo, juntamente com o tráfico de drogas, de seres humanos e o de armas. Estima-se que movimente cerca de U$ 20 bilhões por ano.

Uma nova apreensão gigante aconteceu no aeroporto de Bangkok, na Tailândia. Cinco homens e uma uma mulher de nacionalidade indiana foram presos pelas autoridades da alfândega ao tentar embarcar com 87 animais isso mesmo, 86!escondidos dentro de malas.

Entre os animais apreendidos estava um panda-vermelho (Ailurus fulgens), espécie considerada em risco de extinção, preso dentro de um cesto, fechado com fita tape. Além dele, havia répteis, aves e mamíferos, incluindo dois macacos, 29 camaleões, 21 cobras e 15 pássaros.

Mais de 80 animais são apreendidos dentro de malas em aeroporto da Tailândia, entre eles, um panda-vermelho

Papagaio dentro de uma caixa
(Foto: Thailand’s Custom Department)

Constantemente autoridades alfandegárias fazem apreensões como essa. Em dezembro do ano passado, uma similar ocorreu no aeroporto do Peru, quando 160 animais foram encontrados dentro de uma mala: 29 cobras estavam numa lata de leite.

Um mês antes, no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, servidores do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Ibama) apreenderam 60 ovos de aves silvestres com um turista chinês. Os ovos teriam sido coletados na região de Foz do Iguaçu, no Paraná, e iriam para Hong Kong, na China.

Mais de 80 animais são apreendidos dentro de malas em aeroporto da Tailândia, entre eles, um panda-vermelho

As malas onde os animais estavam escondidos: cinco pessoas foram presas
(Foto: Thailand’s Custom Department)

Há poucos dias também, micos-leões-dourados e araras-azuis-de-lear, espécies endêmicas do Brasil e ameaçadas de extinção, foram descobertas com traficantes numa embarcação no Togo. Os animais estavam em gaiolas, em condições deploráveis. O barco, de bandeira brasileira, tinha saído do Suriname e teve uma pane na costa da África. Dois 20 macacos, três já estavam mortos.

Graças a uma rápida ação de diversas instituições, como o Ibama, os Ministérios das Relações Exteriores e do Meio Ambiente, a Associação Mico-Leão-Dourado e a organização Freeland Brasil, os animais já foram repatriados para o Brasil.

Um mico assustado, também estava entre os 86 animais apreendidos pelas autoridades
(Foto: Thailand’s Custom Department)

—————————————————————————

Agora, o Conexão Planeta também tem um canal no WhatsApp. Se você quiser se inscrever para receber nossas notícias, acesse esse link, ative o sininho e receba as novidades direto no celular

Leia também:
Operação internacional apreende milhares de animais vivos e partes de outros mortos
Tráfico de animais silvestres aumenta ameaça de novas pandemias e expansão para comércio digital impõe risco ainda maior à humanidade
Juliana Ferreira é primeira brasileira a ganhar prêmio da Interpol por trabalho de combate ao tráfico de animais

Foto de abertura: Thailand’s Custom Department

Comentários
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Notícias Relacionadas
Sobre o autor
PUBLICIDADE
Receba notícias por e-mail

Digite seu endereço eletrônico abaixo para receber notificações das novas publicações do Conexão Planeta.

  • PUBLICIDADE

    Mais lidas

    PUBLICIDADE