PUBLICIDADE

“Gaza está se tornando um cemitério para crianças”, diz secretário-geral da ONU

"Gaza está se tornando um cemitério para crianças", diz secretário-geral da ONU

Em mais uma demonstração de sua frustração com a guerra entre Israel e o Hamas iniciada há um mês, após o ataque brutal e surpresa do grupo terrorista que matou mais de 1.200 israelenses (outros 200 e tantos continuam como reféns), o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, afirmou hoje que “Gaza está se tornando um cemitério para crianças“, com centenas de meninos e meninas sendo mortos ou feridos todos os dias”.

Segundo informações do Ministério da Saúde Palestino, controlado pelo Hamas, desde o início da ofensiva militar de Israel contra a Faixa de Gaza, mais de 10 mil pessoas morreram. As crianças representam 40% desses óbitos.

De acordo com um alerta divulgado pela organização internacional Save the Children na semana passada, o número de crianças mortas em Gaza já supera o daquelas que perderam a vida anualmente em zonas de conflitos.

“As operações terrestres das Forças de Defesa de Israel e os bombardeios contínuos estão atingindo civis, hospitais, campos de refugiados, mesquitas, igrejas e instalações da ONU – incluindo abrigos. Ninguém está seguro”, disse Guterres a jornalistas. “Ao mesmo tempo, o Hamas e seus militantes usam civis como escudos humanos e continuam a lançar foguetes indiscriminadamente contra Israel”, acrescentou.

O secretário-geral das Nações Unidas, assim como diversas outras organizações internacionais, defende um cessar-fogo imediato. Mas o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu afirmou que não haverá trégua enquanto os reféns não forem soltos.

Nas últimas semanas, milhares de pessoas têm ido às ruas em cidades do mundo inteiro pedir pelo cessar-fogo em Gaza e pela proteção das crianças palestinas (leia mais aqui). As manifestações reuniram multidões em capitais da Europa, como Londres, e em Washington D.C., nos Estados Unidos. No Rio de Janeiro, a ONG Rio de Paz protestou contra o massacre de menores na guerra.

*Com informações da Agência Reuters de Notícias, CNN Internacional e The Guardian

Leia também:
Após vencer partida, tenista tunisiana chora pelas crianças palestinas e anuncia doação de parte do prêmio
Faixa de Gaza tem abastecimento de água cortado via Israel
Israelense libertada pelo Hamas estende a mão a terrorista e deseja paz

Foto de abertura: reprodução Facebook Palestine Red Crescent society الهلال الاحمر الفلسطيني

Comentários
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Notícias Relacionadas
Sobre o autor
PUBLICIDADE
Receba notícias por e-mail

Digite seu endereço eletrônico abaixo para receber notificações das novas publicações do Conexão Planeta.

  • PUBLICIDADE

    Mais lidas

    PUBLICIDADE