Elétricos já representam 54% das vendas de veículos novos na Noruega

Elétricos já representam 54% da venda de veículos novos na Noruega

Como sempre, os países escandinavos dão um belo exemplo ao resto do mundo quando o assunto é sustentabilidade. Em 2020, a Noruega atingiu uma marca impressionante. 54,3% dos veículos vendidos por lá foram elétricos, superando pela primeira vez a comercialização daqueles movidos a diesel ou gasolina.

De acordo com um relatório divulgado pela Norwegian Road Federation, em 2019 já havia sido registrada uma porcentagem de 42% na aquisição dos carros com bateria elétrica. Há cerca de uma década, eram meros 1% das vendas. Atualmente, quem compra um veículo elétrico está isento de impostos.

O governo da Noruega tem como meta ser a primeira nação do mundo a proibir a comercialização de carros a gasolina ou diesel a partir de 2025.

Por causa da meta ambiciosa dos noruegueses, muitos fabricantes têm usado o país para lançar seus modelos e testá-los no mercado. No ano passado, a marca mais vendida foi da Audi/Volkswagen, com seu e-tron. Em 2019, o Tesla Model 3 aparecia como o preferido entre os consumidores e no ano anteior, o Nissan LEAF.

“Nossa previsão preliminar é de que os carros elétricos ultrapassem 65% do mercado em 2021”, revelou Christina Bu, diretora da Norwegian EV Association, em entrevista ao jornal The Guardian. “Se conseguirmos isso, a meta de vender apenas carros com emissão zero em 2025 estará ao nosso alcance”.

Movimento semelhante já acontece em outros países da Europa. O Reino Unido anunciou que irá antecipar para 2035 a proibição da venda de veículos a gasolina e a diesel e a França definiu o prazo para 2040. Já a Holanda também anunciou o mesmo prazo que a Noruega: 2025.

Gráfico mostra o impressionante crescimento das vendas de carros elétricos na Noruega nos últimos anos

Leia também:
Todos os novos carros vendidos na Califórnia a partir de 2035 deverão ser elétricos
Noruega lança primeiro navio elétrico e autônomo do mundo
Noruega é o país mais feliz do mundo, segundo o World Happiness Report 2017
Noruega anuncia construção de estradas para bicicletas ao redor das maiores cidades do país

Foto: reprodução Facebook Norwegian Road Federation

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta