Cientistas filmam maior iceberg do mundo, que se desprendeu da Antártica e tem tamanho de três Rio de Janeiro

Cientistas filmam maior iceberg do mundo, que se desprendeu da Antártica e tem tamanho de três Rio de Janeiro

Considerado atualmente como o maior iceberg do mundo, A23a, como foi batizado, tem 700 metros de profundidade e ocupa uma área de 3.900 km2, o equivalente ao tamanho de três cidades do Rio de Janeiro. Esse gigantesco bloco de gelo se desprendeu da plataforma Filchner, na Antártica, em 1986, mas desde então estava preso no fundo do mar e não se movia.

Todavia, no começo de novembro, A23a ganhou as manchetes mundiais quando começou a flutuar pelo Mar de Weddell. Cientistas acreditam que é provável que o iceberg seja arrastado pela Corrente Circumpolar Antártica para o “beco dos icebergs”, colocando-o numa trajetória comum de icebergs em direção à ilha subantártica da Geórgia do Sul.

E há poucos dias, pesquisadores do British Antarctic Survey, que estavam indo para a Antártica a bordo do navio RRS Sir David Attenborough, passaram pelo iceberg e fizeram imagens belíssimas da plataforma boiando.

A equipe de cientistas também aproveitou a oportunidade para fazer coleta de água ao redor do mega iceberg. Quando se desprendem, esses blocos de gelo dispersam importantes nutrientes no mar ao longo de sua trajetória.

“É uma sorte incrível que a rota do iceberg saindo do Mar de Weddell tenha atravessado diretamente o caminho planejado e que tenhamos a equipe certa a bordo para aproveitar esta oportunidade. É incrível ver este enorme iceberg pessoalmente – ele estende-se até onde a vista alcança”, contou Andrew Meijers, cientista líder da expedição do British Antarctic Survey.

Cientistas filmam maior iceberg do mundo, que se desprendeu da Antártica e tem tamanho de três Rio de Janeiro

Ao lado do iceberg, a tripulação conseguiu observar também um grupo de orcas nadando
(Foto: Liam O’Brian)

O objetivo dos pesquisadores é investigar como os ecossistemas antárticos e o gelo marinho impulsionam os ciclos oceânicos globais de carbono e nutrientes. Eles esperam que os resultados possam ajudar a compreender melhor como as alterações climáticas poderão afetar o Oceano Antártico e os organismos que nele vivem.

“Sabemos que estes icebergs gigantes podem fornecer nutrientes às águas por onde passam, criando ecossistemas prósperos em áreas que de outra forma seriam menos produtivas. O que não sabemos é que diferença determinados icebergs, a sua escala e as suas origens podem fazer nesse processo”, diz Laura Taylor, biogeoquímica a bordo do RRS Sir David Attenborough.

Foto de abertura: Theresa Gossman, Matthew Gascoyne, Christopher Grey

2 comentários em “Cientistas filmam maior iceberg do mundo, que se desprendeu da Antártica e tem tamanho de três Rio de Janeiro

  • 16 de dezembro de 2023 em 12:31 AM
    Permalink

    Fascinante as imagens do navio ciência que deu-nos a oportunidade de ver e sentir o quanto é deslumbrante a natureza e o gigantesco iceberg ????????????
    Angela Inês
    Lorena – SP

    Resposta
  • 16 de dezembro de 2023 em 6:20 PM
    Permalink

    Os terraplanistas vão dizer que as bordas da terra plana estão soltando?

    Resposta

Deixe uma resposta

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.