Barbie com aparelho auditivo e bonecos com corpos menos marombados estão em nova coleção para promover a inclusão e a diversidade

A Mattel, fabricante americana da famosa Barbie, anunciou esta semana o lançamento de seus novos bonecos e bonecas. Entre os destaques estão a primeira versão com um aparelho auditivo, uma figura masculina com vitiligo (já havia uma anterior de uma boneca com a mesma condição) e ainda, modelos com corpos menos marombados e fortões, reproduzindo mais a realidade das pessoas comuns do dia a dia das crianças.

O objetivo da empresa, que há vários anos já se esforça para incluir bonecas e bonecos que promovam a inclusão e a diversidade, é que meninos e meninas se vejam representados na hora de brincar ou mesmo, que se acostumem com o que para eles pode parecer diferente.

Para o desenvolvimento da Barbie com o aparelho auditivo, que faz parte da coleção chamada de Fashionista, a Mattel contou com a ajuda de especialistas médicos.

“Como uma otorrinolaringologista educacional com mais de 18 anos de experiência trabalhando na defesa da perda auditiva, é inspirador ver aqueles que sofrem com o problema refletidos em uma boneca. Estou muito feliz por meus jovens pacientes verem e brincarem com uma boneca que se parece com eles”, diz Jen Richardson.

Barbie com aparelho auditivo e bonecos com corpos menos marombados estão em nova coleção para promover a inclusão e a diversidade

A nova coleção traz também alguns modelos já lançados anteriormente, mas agora com características físicas ou roupas diferentes, como os bonecos Ken com figurinos mais alternativos, e Barbies com uma prótese na perna roxa, cabelo afro, feições asiáticas, corpos mais arredondados e usando óculos.

Barbie com aparelho auditivo e bonecos com corpos menos marombados estão em nova coleção para promover a inclusão e a diversidade

No ano passado, a Mattel homenageou várias mulheres cientistas do mundo inteiro, entre elas, a biomédica brasileira Jaqueline por sua atuação no combate à covid-19. A pesquisadora fez parte do time que realizou o primeiro sequenciamento do DNA do Sars-Cov2 em nosso país.

Dois anos antes tinha sido a vez da surfista e ativista Maya Gabeira ganhar uma boneca numa coleção de mulheres inspiradoras da Barbie.

*Com informações da CNN International e Axios

Leia também:
Barbie ganha linha especial de bonecas e bonecos negros depois das versões careca, com vitiligo, prótese…
Barbie lança (finalmente) modelos cadeirante e com prótese na perna
Barbie homenageia ícones femininos para promover o empoderamento das mulheres
Barbie, agora, tem namorada

Fotos: divulgação Mattel

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta