Ação da Cidadania leva alimentos para famílias carentes, afetadas pela crise do coronavírus. E você pode ajudar!

Ação da Cidadania leva alimentos para famílias carentes, afetadas pela crise do coronavírus. E você, pode ajudar!

Milhares de pessoas em todo Brasil foram obrigadas a ficar em casa para se proteger do novo coronavírus, o COVID-19 e com isso, perderam o pouco dinheiro que ganhavam para sustentar suas famílias. São, por exemplo, trabalhadores informais, que foram dispensados por seus patrões, ou vendedores ambulantes, que não podem mais vender seus produtos nas ruas.

Sem dinheiro, pouco a pouco, essas pessoas não têm mais o que comer. Uma Renda Básica Emergencial foi aprovada hoje pelo Senado, mas ainda aguarda a sanção do presidente Jair Bolsonaro. A medida atenderá 100 milhões de pessoas em situação de vulnerabilidade econômica com 600 reais por adulto e 1.200 reais por família ou mães solteiras

Mas a fome não espera e as pessoas precisam ter o que comer HOJE. Por isso, a organização não governamental Ação da Cidadania, que trabalha há quase 30 anos para levar comida para comunidades carentes, está redobrando seus esforços.

Em parceria com o Movimento Bem Maior e a plataforma de financiamento coletivo Benfeitoria, a Ação da Cidadania lançou uma campanha para arrecadar doações em dinheiro, que são usadas na compra de cestas com alimentos não perecíveis e materiais de higiene para os trabalhadores e famílias impactados coronavírus.

Para participar da campanha, você pode acessar aqui. E não é preciso muito. Com 5 reais, você pode ajudar a financiar cinco pratos de comida. Já com 10 reais, dá pra comprar 10 refeições. E assim, por diante.

Na semana passada, a organização já distribuiu 40 toneladas de alimentos para comunidades do Rio de Janeiro.

Empresas interessadas em contribuir, podem enviar uma mensagem para [email protected]

O movimento Ação Cidadania foi fundado, em 1993, pelo sociólogo Herbert de Souza. Carinhosamente conhecido como Betinho, ele era uma pessoa muito querida de toda sociedade brasileira, mas infelizmente, faleceu em 1997. Entre as iniciativas mais famosas de sua organização está a campanha Natal Sem Fome.

Leia também:
‘Desafio Água e Sabão’: campanha incentiva montagem de kits de higiene rápida para moradores de rua
Aglomerados e sem água, moradores de favelas e cortiços de SP e Rio contam como é enfrentar o coronavírus sem saneamento
Médicos criam rede de atendimento gratuito pelas redes sociais, e-mail e WhatsApp para esclarecer dúvidas sobre o coronavírus

Foto: divulgação Ação da Cidadania

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta