Você viu o pau-brasil por aí? Conte onde e torne-se um guardião da espécie

image
Você já encontrou um pau-brasil – ou vários – pelo caminho? O Instituto Árvores Vivas quer saber.

Em novembro do ano passado, quando a designer em sustentabilidade e idealizadora do instituto, Juliana Gatti, escreveu texto sobre essa espécie no blog Árvores Vivas, aqui no Conexão Planeta, convidou os leitores para participar do mapeamento colaborativo, o primeiro de uma série que o instituto realizará ainda este ano. E destacou que, para fazer bem esse trabalho, precisa contar com a participação do público.

“Com esse mapeamento, quero organizar as informações a respeito de todos os exemplares da espécie existentes no país. Mas só com o envolvimento das pessoas isso será possível porque nossa intenção é monitorar e cuidar dessa espécie, não apenas fazer o registro”.

Para colaborar, não é preciso entender de árvores, mas ter curiosidade e querer participar da iniciativa. É esse seu caso? Então, é só acessar o formulário e preencher as informações sobre o pau-brasil encontrado. Quem participar deste mapeamento receberá certificado – com número de registro e tudo! – e se tornará Guardião do Pau-Brasil! Que tal?

Na lista das espécies ameaçadas

Natural da Mata Atlântica, a árvore símbolo do país é muito comum no Rio de Janeiro até o extremo nordeste, mas facilmente encontrada em todo o território. Mesmo assim, ela continua na Lista Vermelha da IUCN – International Union for Conservation of Nature entre as espécies ameaçadas de extinção em seu ambiente natural.

Juliana conta que “existem exemplares de pau-brasil antigos, alguns centenários, outros (raríssimos) com dois séculos de vida e, aparentemente, uma árvore no estado da Bahia, com cerca de 500 anos”. Então, vamos ajudar a preservá-los?

Na foto que abre este post, estão suas flores amarelas, lindas, mas acrescento a foto abaixo, com mais detalhes das folhas do pau-brasil para facilitar ainda mais a identificação em sua pesquisa. Boa expedição!

image

Fotos: Divulgação/Instituto Árvores Vivas

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na revista Claudia, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, da mesma editora, considerado pela United Nations Foundation como o maior portal no tema. Integrou a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade e, em 2015, participou da conferência TEDxSãoPaulo.

4 comentários em “Você viu o pau-brasil por aí? Conte onde e torne-se um guardião da espécie

Deixe uma resposta