Turismo sustentável: um dia inesquecível em Florianópolis

Florianópolis, Reserva Pirajubaé

Que tal experimentar um berbigão? Ou uma mijadeira? Quem sabe uma linguaruda, ou uma lambreta? Irresistível, né? Os turistas gourmet amam a variedade de moluscos encontrada em Florianópolis, mais precisamente na Reserva Extrativista Marinha do Pirajubaé. Talvez essa degustação superespecial não seja suficiente para matar a fome, mas tudo bem: ela é só uma entradinha. No almoço, em seguida, tem peixe com pirão, prato que é marca registrada da capital catarinense.

A refeição é só uma das experiências do passeio “Um dia inesquecível”, realizado na Baía Sul da capital catarinense pela agência EcoExperiências. Além da alimentação, a atividade resgata outras tradições e mostra a coleta do berbigão e a pesca artesanal, que até hoje sustentam famílias que vivem ali.

O passeio

Ao chegar, você é recebido por um condutor ambiental, filho de pescador. Num rancho de pesca ele conta causos, fala um pouco sobre a cultura local e contextualiza a reserva ambiental que será visitada no passeio de barco, na sequência. O roteiro apresenta, entre outras atrações, manguezais preservados, perfeitos para a observação de aves, e vista para a famosa ponte Hercílio Luz, principal cartão-postal de Florianópolis. Jogar a tarrafa na água e simular a coleta do berbigão são duas das vivências propostas, permeadas por uma incrível troca de experiências com os pescadores. Aí é que vem o ótimo peixe com pirão.

Sustentabilidade

O turismo, fundamental para a região, ajuda no resgate da cultura, promove a autoestima e gera renda para famílias que encontram cada vez mais dificuldades para viver da pesca. É, também, uma forma de proteger o mangue e, consequentemente, a cultura do berbigão, ameaçado de extinção. E de criar um novo mercado de trabalho para os jovens da comunidade – que não se interessam pela atividade pesqueira, mas podem encontrar um caminho no turismo e na educação ambiental. Demais, né?

Post publicado originalmente no site da Garupa em 24/10/2016

Viajar pode fazer mais. Por você e pelos lugares que visita. Este é o lema da Associação Garupa, Organização Social de Interesse Público (OSCIP) que trabalha com o turismo sustentável como ferramenta para promover distribuição de renda e preservação de riquezas naturais e culturais do Brasil. A Garupa atua no apoio a comunidades e iniciativas em três frentes: por meio de consultoria para campanhas de crowdfunding, da realização de Expedições Garupa ou da divulgação de experiências sustentáveis através do Guia do Brasil Autêntico.

Na Garupa

Viajar pode fazer mais. Por você e pelos lugares que visita. Este é o lema da Associação Garupa, Organização Social de Interesse Público (OSCIP) que trabalha com o turismo sustentável como ferramenta para promover distribuição de renda e preservação de riquezas naturais e culturais do Brasil. A Garupa atua no apoio a comunidades e iniciativas em três frentes: por meio de consultoria para campanhas de crowdfunding, da realização de Expedições Garupa ou da divulgação de experiências sustentáveis através do Guia do Brasil Autêntico.

Deixe uma resposta