“Tudo tem espírito”, nos lembra o cacique Raoni Metuktire

“Tudo tem espírito, desde um inseto até um boi. as plantas, os animais das terras e das águas”, disse o cacique Raoni Metuktire há oito anos, pra mim, em sua casa, na aldeia Piaruçu, no Alto Xingu. E continuou:

“Todos tem espírito, ruim ou bom. Esses espíritos estão se manifestando aos poucos, são os desastres naturais.

A natureza tem donos e os donos se manifestam quando mexemos com essas coisas que lhes pertencem.

As forças sobrenaturais são fortes e, quando estas se manifestam na natureza, o homem não pode fazer nada.

Os grandes ventos virão e destruirão suas cidades. Vocês conhecerão o medo que nós conhecemos.

Eu lhes digo: se o homem continuar a destruir a terra, os ventos voltarão com mais força, não somente uma vez, mas várias vezes, cedo ou tarde. Esses ventos vão nos destruir.

Respiramos todos um só ar, bebemos todos a mesma água, vivemos todos em uma só Terra. Nós devemos protegê-la!”.

A foto deste post não é desse encontro. Foi feita por mim em abril último, durante a mobilização indígena Acampamento Terra Livre, em Brasília. Abaixo, está a imagem completa, que revela todos os detalhes da expressão de Raoni e de seus adereços. Um sábio.

Fotógrafo e documentarista especializado no registro de povos indígenas, bem como da arte, cultura e biodiversidade do país. Mineiro, desde 1986 realiza viagens para retratar formas de expressão cultural dos grupos étnicos brasileiros. Colaborador do blog Por Trás das Câmeras, Renato descreve o que chama de “Diário de Campo”. É autor ainda do blog Ameríndios do Brasil, mesmo nome do seu projeto de fotografia com os índios

Renato Soares

Fotógrafo e documentarista especializado no registro de povos indígenas, bem como da arte, cultura e biodiversidade do país. Mineiro, desde 1986 realiza viagens para retratar formas de expressão cultural dos grupos étnicos brasileiros. Colaborador do blog Por Trás das Câmeras, Renato descreve o que chama de "Diário de Campo". É autor ainda do blog Ameríndios do Brasil, mesmo nome do seu projeto de fotografia com os índios

Um comentário em ““Tudo tem espírito”, nos lembra o cacique Raoni Metuktire

Deixe uma resposta