Transporte público gratuito é solução para combater poluição na Alemanha

Transporte público gratuito é solução para combater poluição na Alemanha

Cinco cidades alemãs, Bonn, Essen, Reutlingen, Mannheim e Herrenberg, ao sul de Stuttgart, considerada uma das que possui os piores índices de poluição do país, devem participar de um projeto piloto, até o final do ano, para tentar melhorar a qualidade do ar.

A ideia é estimular a população a deixar o carro em casa e usar o transporte público, que seria oferecido gratuitamente, e desta forma, diminuir a emissão de poluentes e partículas finas na atmosfera.

A iniciativa foi divulgada em carta assinada pela ministra do Meio Ambiente, Barbara Hendricks, e pelo ministro da agricultura, Christian Schmid, e enviada para o Comissariado de Meio Ambiente da União Europeia (UE), em Bruxelas.

O projeto piloto é uma tentativa da Alemanha em cumprir as metas estipuladas pela Comunidade Europeia para reduzir a poluição no continente.

Entre as outras propostas apresentadas pelo governo alemão estão a implantação de zonas de “baixa emissão de carbono” para veículos de carga, aumento do número de táxis elétricos e também, incentivo à compra de carros elétricos.

Todavia, há especulação de como o sistema funcionaria. De acordo com a Associação Alemanha das Companhias de Transporte, metade do dinheiro utilizado para a manutenção do transporte público municipal vem da venda de bilhetes, algo em torno de 12 bilhões de euros por ano.

Além da Alemanha, outros oito países europeus receberam uma bandeira vermelha da UE, entre eles, Espanha, Itália e França. Eles não apresentaram um plano estratégico, que deveria ter sido entregue até 30 de janeiro, para reduzir o nível de gases poluentes.

Estudos revelaram que em 130 cidades da Europa o índice de poluição está acima do que é aceitável para a saúde humana. Estima-se que 400 mil pessoas morram por ano devido a problemas relacionados com a péssima qualidade do ar.

Os países que não cumprirem as metas estabelecidas pela UE estão sujeitos a sofrer ações legais na justiça e pagar multas.

*Com informações da Deutsche Welle e do The Guardian

Leia também:
ONU acusa Reino Unido de menosprezar saúde da população diante de índices de poluição inaceitáveis
Aumentam índices de poluição no mundo todo, alerta OMS
Um purificador de ar gigante para combater a poluição das cidades
Alerta máximo para poluição em Pequim
Poluição do ar mata mais que malária e HIV juntos, indica estudo


Foto: Max Kovalenko/divulgação Facebook Stuttgart – meine Stadt

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Um comentário em “Transporte público gratuito é solução para combater poluição na Alemanha

Deixe uma resposta