Páginas que pesam sobre as costas

Não há como esconder histórias já escritas indelevelmente. São registros que não se apagam, as páginas em trevas de qualquer livro da vida, como as jogadas do céu na obra do mexicano Héctor Zamora

Ler mais