Um orelhão de elefante

Hoje na hora do almoço tinha fila no orelhão. O fato é que gostei de ficar na fila. O orelhão é grande. É daqueles do tamanho da orelha de amigo que sabe quando o outro precisa ser ouvido. Me lembrei então da obra linda da artista catarinense Maria Raquel Stolf: “Sou toda ouvidos”

Ler mais

O banco das rosas. O banco das farpas.

As fotos do artista paulista W.Camacho impressionam pela beleza que encontram no menos, no mais dolorido, no pequeno, na falta, na ausência. Escancaram a vontade de preencher. Fazem bagunça no vazio. Transformam o movimento barulhento em silêncio pacato

Ler mais

Árvores… ou a falta delas

A cidade se esvazia em cinza e concreto. Se enche de gás carbônico e raízes de troncos cortados para dar lugar às calçadas lisinhas. Será que teremos frutos saudáveis? Precisamos. Esperamos…

Ler mais

Mordendo a chuva

Obras do artista baiano Marcos Zacariades mostram a desconstrução do meio ambiente: a destruição da floresta e os atentados sucessivos contra a natureza

Ler mais