Belo Monte: maior e mais cara hidrelétrica brasileira não produz a eletricidade prometida por seus idealizadores

Engenheiros parecem ter se equivocado ao estimar taxas de vazão do Rio Xingu e variações entre estações seca e chuvosa, além de não contarem com redução da vazão devido ao desmatamento causado pela rápida expansão das fazendas de gado e das plantações de soja em Mato Grosso, onde fica a nascente do rio

Ler mais

E se fosse elétrico?

Apesar dos óbvios benefícios, a eletrificação do transporte tem sido solenemente ignorada nas políticas de mobilidade e desenvolvimento da indústria automobilística no Brasil. Que a crise atual, pelo menos, sirva para acelerar a sua implementação

Ler mais