Sandra Bullock doa 100 mil dólares para ONG resgatar e cuidar de animais vítimas de incêndios na Califórnia

Qualquer tragédia como os incêndios na Califórnia fazem vítimas entre os seres humanos e os animais. Pouco se comentou sobre estes, mas, sem contar os que habitam as florestas – a maioria não conseguiu escapar -, nas regiões atingidas havia animais de criação como cavalos, porcos, bois, porcos,  cabras, galinhas e patos, além dos domésticos como cães e gatos.

Nem todos foram encontrados ou puderam ser levados por seus donos, mas é também para salvar e cuidar destes bichos que atuam ONGs como a Humane Society of Ventura County (HSVC) e a Caring Choices, entre outras.

Assim que tomou conhecimento do incêndio, a atriz americana Sandra Bullockque, este ano, colocou sua mansão na California à venda – doou 100 mil dólares (o equivalente a R$ 378 mil) para a HSVC com o objetivo de ajudar a resgatar e amparar animais assustados e feridos, geralmente queimados. No ano passado, ela também fez uma doação significativa para as vítimas do furacão Harvey, que atingiu o Texas, nos Estados Unidos.

O cenário em que os animais são resgatados é de desolação, como revela o site Quartz em uma página dedicada a registros de animais nessa tragédia. Com a doação de Sandra, a instituição pode dar assistência 24 horas por dia e sete dias por semana aos animais encontrados nos escombros e evacuados dos focos de incêndio. E os bichos ficarão sob seus cuidados até que seus donos os encontrem ou possam cuidar deles.

Durante a semana passada, a HSVC, a Caring Choice (que fazia campanha para angariar fundos) e inúmeras outras organizações resgataram e cuidaram ou encaminharam animais para hospitais como o Valley Oak Veterinary Center (VCA). Em alguns casos, a quantidade de vítimas do incêndio era tão grande que seus profissionais tiveram que cancelar compromissos regulares (sem urgência) para que pudessem se concentrar na recuperação destes.

Além de queimaduras pelo corpo e principalmente nas patas, os animais apresentavam problemas respiratórios por causa da inalação da fumaça, desidratação. Os bichos com queimaduras de terceiro grau em todo o corpo foram sacrificados.

Fotos: Humane Society of Ventura County/Facebook (destaque) e Divulgação (Sandra Bullock)

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na revista Claudia, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, da mesma editora, considerado pela United Nations Foundation como o maior portal no tema. Integrou a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade e, em 2015, participou da conferência TEDxSãoPaulo.

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na revista Claudia, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, da mesma editora, considerado pela United Nations Foundation como o maior portal no tema. Integrou a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade e, em 2015, participou da conferência TEDxSãoPaulo.

Deixe uma resposta