Quiche para um almoço leve de verão

Quiche para um almoço leve de verão

Dias quentes pedem muita hidratação e comidinhas leves para a não derrubar a disposição.

Esta quiche é leve por não possuir glúten, altas quantidades de gorduras e carboidratos como usualmente. A sugestão de recheio é carne de casca de banana, isso mesmo! Uma receita 2 em 1, pois você pode utilizar a massa como base para outros recheios e a “carne desfiada” de banana fica incrível para um lanche ou junto com saladas.

Já o grão-de-bico, que faz parte da receita, tem grande quantidade de proteína vegetal, excelente para construção dos músculos. A carne de banana é rica em fibras para o bom funcionamento do intestino.

Sabe aquele doce incrível que contém muitas bananas? Agora é a hora de utilizar todas as cascas cheias de nutrientes que geralmente (e culturalmente no Brasil) jogamos fora. Em países como a Índia, por exemplo, cascas são muito aproveitadas na culinária, pois são fontes de vitaminas como potássio, magnésio, B6 e B12.

Vamos lá então fazer um samba cultural e nos deliciar com uma nada tradicional quiche de grão de bico sem glúten com recheio vegetariano de carne de casca de banana?

Quiche de grão de bico com carne de casca de banana 

INGREDIENTES PARA A MASSA

400g de grão-de-bico cozido escorrido e sem sal
½ xícara de polvilho doce
½ xícara de farinha de arroz
4 colheres de sopa de azeite de oliva
1 maço pequeno de coentro fresco
1 colher de café de sal
1 colher de café de garan massala em pó (opcional)

*o garan massala é um tempero indiano que reúne em sua composição coentro, cominho, pimenta, gengibre, cardamomo, cravo, canela e louro. Pode ser encontrado em casas de ervas e temperos, dá um aroma incrível na cozinha enquanto preparamos alimentos com ele, por sua complexidade de sabores, aguça as papilas gustativas ao máximo em uma explosão de sabor!

INGREDIENTES PARA O RECHEIO

8 cascas de banana lavadas (qualquer tipo e não muito madura)
1 cebola branca cortada em cubinhos
2 tomates italianos cortados em cubinhos
1 maço de cebolinha
2 dentes de alho
4 colheres de sopa de aveia em flocos
3 colheres de sopa de óleo de soja (preferencialmente orgânico)
azeitonas e alcaparras (opcional)
sal e pimenta a gosto

MODO DE PREPARO

Em um processador de alimentos, colocar o grão-de-bico e processar até obter uma pasta. Adicionar o restante dos ingredientes, aos poucos, enquanto bate (com exceção ao coentro fresco). Observe, se estiver muito pastoso para líquido, incorpore mais farinha de arroz até adquirir textura de massinha.

Quando se tornar uma massa homogênea, coloque o coentro fresco cortado em pedaços pequenos e misture com uma colher ou com as mãos. Reserve coberto em geladeira.

Para o recheio, o mais fácil é apoiar as cascas de banana numa superfície de pedra ou vidro. Desfie as cascas com o auxílio de um garfo: basta deitá-las e passar a ponta do garfo de forma longitudinal, de acordo com a direção das fibras naturais da casca. Incrível, nesta hora a comparação com carne desfiada já é visível.

Refogue a cebola e o alho em óleo até dourar.  Coloque as cascas de banana já desfiadas e refogue mais um pouquinho. Junte os tomates, azeitonas e alcaparras. Neste momento, é normal que os tomates soltem água, então adicione a aveia para dar cremosidade. Tempere com sal e pimenta a gosto. Por último, as cebolinhas já cortadas. Deixe esfriar.

MONTAGEM

Você pode usar formas para quiches individuais ou uma maior de 20cm de diâmetro. O importante é que tenham fundo removível. Unte a forma com óleo de soja. Com as pontas dos dedos espalhe a massa gelada no fundo e na borda. Para um bom acabamento, é importante que deixe uma espessura de massa em torno de 1 centímetro. Após forrar toda a forma com a massa, é hora de colocar o recheio frio.

Em forno pré-aquecido à 200°C, coloque sua quiche para assar por 15 minutos, caso estejam em formas individuais, e por 25 minutos, em forma grande, ou até dourar. Para desenformar, aguarde até que esteja frio.

Sugestão de acompanhamento: salada verde e para beber suco de melancia. Hummm!

Foto: Frany Müller

Ecoculinarista, educadora, mãe e vegana. Amante da poesia que é cozinhar, se dedica a mostrar, através de sabores, que é possível ter uma vida saudável e muito gostosa. Cofundadora do projeto “Guria Verde – culinária funcional”, ensina o preparo de receitas alternativas descomplicadas e saudáveis para as delícias que conhecemos desde a infância e amamos até hoje. Realiza palestras e workshops sobre alimentação

Frany Müller

Ecoculinarista, educadora, mãe e vegana. Amante da poesia que é cozinhar, se dedica a mostrar, através de sabores, que é possível ter uma vida saudável e muito gostosa. Cofundadora do projeto "Guria Verde - culinária funcional", ensina o preparo de receitas alternativas descomplicadas e saudáveis para as delícias que conhecemos desde a infância e amamos até hoje. Realiza palestras e workshops sobre alimentação

2 comentários em “Quiche para um almoço leve de verão

  • 9 de Janeiro de 2017 em 6:02 AM
    Permalink

    Ola meu nome e Zuleide soy vegrtariana e hostaria de ter contacto com Franny ou seu endereco Eletronico.

    Resposta
    • 9 de Janeiro de 2017 em 9:05 AM
      Permalink

      Oi Zuleide,
      Obrigada pela mensagem. Já passamos seu contato para a Franny.
      Abraço,
      Suzana

      Resposta

Deixe uma resposta