Planetários deixam sua mensagem para um mundo melhor na Virada Sustentável

mensagem mudo o mundo com sua mensagem

Feche os olhos. Imagine uma porta que te levará para o mundo com o qual você sonha. Como ele será? Quem acompanhará você nesta jornada?

Foi com este convite para imaginar nosso futuro, que a educadora Cecília Zanotti começou a oficina “Mude o Mundo com Sua Mensagem”, promovida pelo grupo Planetários da Virada (do qual o Conexão Planeta faz parte), formado por jornalistas e profissionais de marketing com larga experiência na área de sustentabilidade. O workshop aconteceu durante a Virada Sustável 2015, que aconteceu neste último final de semana, em São Paulo.

Reunidos na Biblitoca do Parque Villa Lobos, os participantes elaboraram uma série de desenhos, mensagens e fotos que representam o que eles esperam e sonham para um futuro mais sustentável e justo para todos. Além do que foi produzido no local, os jornalistas e “Planetários” Caco de Paula e Alessandro Meiguins apresentaram diversas outras mensagens que já foram enviadas anteriormente por artistas, ativistas e jornalistas e podem ser encontradas na página do Facebook “Mude o Mundo com Sua Mensagem”.

Todo o material produzido será compilado e publicado no Almanaque do Clima. Se você quer participar desta produção coletiva, pode enviar sua contribuição em forma de vídeo, meme, GIF, poesia ou texto.

Aqui estão alguns depoimentos dos participantes da oficina “Mude o Mundo com Sua Mensagem”:

Fernando Beltrame, empresário
A dinâmica do workshop foi muito gostosa. Foi bom parar um pouco para refletir sobre minhas ações e convicções, em meio ao bombardeio de mensagens negativas e desanimadoras que vivenciamos todos os dias. Às vezes, parece que nunca venceremos a ignorância dos que agem como se estivessem sozinhos no planeta, sem se importar com as desigualdades, a qualidade de vida, o meio ambiente ou, pelo menos, com seu próprio resíduo. Fazia tempo que não lia uma poesia e foi muito bom participar desta atividade de análise, reflexão e criatividade. Tive a sorte de escolher aleatoriamente um poema do Manuel Bandeira, que trabalha de forma profunda com as palavras e fala dos rios.

Nana Sievers, designer
Me senti parte de algo muito pequenininho que vai ficar grande um dia, parte de um comecinho de um projeto que vai trazer muitos resultados. Começamos mexendo o corpo e cantando e no fim acabamos nos unindo nas oficinas de imaginação (o futuro que desejamos), desenho, poesia… E, pra terminar, um piquenique de dar água na boca onde pudemos todos saber mais uns dos outros. Fui embora feliz e grata pela experiência. Também fiquei pensando em quanta gente engajada na sustentabilidade está por aí, realmente empenhada. A mensagem dos Planetários já plantou uma sementinha em mim. 

Tatiana Camargo, gestora ambiental e ativista
No meu desenho eu representei a porta que enxerguei na visualização: ela era de madeira com muita textura. Quando a abri, entrei em um mundo em que as pessoas se fundiam com as árvores, na natureza As plantas e animais também. Era como se  tudo fosse feito da mesma matéria, da mesma energia, da mesma origem.

Bruno Salerno Rodrigues, designer
O encontro foi uma aula de concretização coletiva do imprevisível. Cheguei pensando uma coisa, durante aquelas poucas horas senti muitas possibilidades e no fim pude observar um resultado totalmente novo, inusitado — produzimos algo. Tive dois momentos de visualização do futuro. Primeiro, imaginei uma rodovia paulista cercada de floresta nativa, em vez de monoculturas de canavial e laranjal. Daí questionei a rodovia, tanto o espaço de domínio de agressivos veículos poluentes quanto o fato de ser uma linha que liga dois pontos, dois centros. Deixei a noção de centro. Vi uma rede de caminhos amigáveis, bons para caminhada e bicicletada, à margem dos quais casas se conectam, em meio à floresta. E rios sinuosos, como as próprias estradas. Depois, enxerguei minha própria rua com menos asfalto e mais calçada, menos concreto e mais terra, menos poste e mais árvore. 

Julia Lira, 14 anos, estudante
Eu achei muito legal pelo simples fato de ninguém se conhecer, ou conhecer umas duas pessoas apenas. Houve uma interação muito legal. Viajamos para o nosso mundo perfeito e os mundos tinham pelo menos uma coisa em comum com os dos outros.

Julio Lira, 14 anos, estudante
Eu achei a experiência muito interessante e interativa, gostei principalmente da interação com pessoas que nunca vimos antes. Viajamos todos juntos para o nosso futuro perfeito e, quando fizemos os desenhos, vimos que todos tiveram a mesma ideia.

Cecília Zanotti, educadora
Conhecer essa equipe bacana, atuar na Virada Sustentável, estar em uma Biblioteca incrível, enfim, tudo foi uma delícia. Caco, agradecimento especial a você e Mônica que disseram Sim! Sim! Sim!! desde nosso primeiro encontro e pela ideia genial do Mude o Mundo com Sua Mensagem. Adorei o almanaque e vou divulgar.

Rodrigo Gerhardt, planetário
Comportamentos insustentáveis são estimulados o tempo todo, em todos os lugares. Por isso, uma iniciativa como esta, de que as pessoas se manifestem criativamente em favor de um mundo melhor por meio de mensagens simples, mas fortes, é quase uma tática de guerrilha. Na companhia de amigos então, e como parte de um projeto maior, que é a Virada Sustentável, se tornou irresistível. Foi um momento muito interessante de troca de reflexões e sentimentos em relação aos desafios que temos de enfrentar. Espero que outras rodadas como essa possam acontecer novamente.

Caco de Paula, planetário
Para mim foi a realização de um sonho. Uma reflexão sobre clima dentro de um espaço tão privilegiado como a Biblioteca Parque Villa-Lobos. Foi um dos grandes sábados da minha vida esse do “Mude o Mundo Com Sua Mensagem”, durante a Virada Sustentável. Reunimos um ótimo grupo e compartilhamos nossas ideias, textos, poesias, desenhos, memes, GIFs, fotos e, principalmente, motivação para continuar discutindo e comunicando sustentabilidade. O resultado é, a um só tempo, tão coletivo e autoral. Antes mesmo de nos reunirmos já tínhamos conteúdo capaz de render uma edição digital e impressa — incluindo os belos textos/imagens que os planetários de primeira hora nos enviaram. Tivemos a luxuosa ajuda de Cecilia Zanotti e de Jose Bueno, num processo de facilitação que nos ajudou muito a trabalharmos em conjunto. E disso resultou mais conteúdo e mais páginas que, esperamos, em breve, estarão reunidas num webzine e numa versão em papel. Como motivação para o grupo que faz parte desse almanaque, fica aqui o desafio: qual será a próxima página? Estão todos convidados a continuar em assembleia geral para fazermos juntos. 

Abaixo confira algumas imagens do encontro dos Planetários da Virada durante a Virada Sustentável 2015:

encontro planetários na virada

Mensagem em vídeo do artista plástico Eduardo Srur

encontro planetários na virada

“Conservar para continuar”, mensagem produzida durante a oficina “Mudo o Mundo com Sua Mensagem”

encontro planetários na virada

Planetários da Virada e convidados: Fernando Beltrame (Eccaplan), José Bueno (Instituto Harmonia), a educadora Cecília Zanotti e os jornalistas e Planetários Caco de Paula, Priscila Perasolo, Alessandro Meiguins (Atol Estúdio), Mônica Nunes (Conexão Planeta) e Rodrigo Gerhardt

encontro planetários na virada

Participantes da oficina durante a Virada Sustentável 2015: Lee Swain, Juliana Lira e os filhos Julia e Julio


Fotos: Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Um comentário em “Planetários deixam sua mensagem para um mundo melhor na Virada Sustentável

Deixe uma resposta