Número de tigres no planeta aumenta pela primeira vez depois de 100 anos

tigres

Lindos, majestosos e … ameaçados de extinção! Mas esta semana, felizmente, há uma boa notícia para comemorar. Segundo o WWF International, pela primeira vez, depois de um século, foi registrado o aumento da população de tigres vivendo soltos na natureza. De acordo com o mais recente censo, realizado em 2014, atualmente há 3.890 tigres em reservas da Rússia, Índia, Nepal, Malásia, Indonésia e outros países asiáticos. No último levantamento, feito em 2010, o número de animais registrado era de 3.200.

“Fomos supreendidos de maneira positiva por estes números, o que confirma os bons resultados dos esforços de conservação destes animais”, afirmou Ginette Hemley, vice-presidente do WWF International. “Mais importante que o número absoluto, entretanto, é a tendência de crescimento e que estamos indo na direção correta”.

A Índia é hoje o país que tem o maior número de tigres. Foram observados por lá aproximadamente 2.226 animais (confira onde os demais estão localizados ao final deste post). Em 2010, países asiáticos firmaram um acordo histórico em que se comprometeram a intensificar o trabalho para proteção do habitat dos tigres. Conhecido com Tx2, o acordo previa uma meta ambiciosa: dobrar a população de animais selvagens até 2022, quando será celebrado o próximo Ano do Tigre, na China.

Além da Índia, Rússia e Nepal se mostraram bastante firmes no compromisso. Em todos estes países, foi registrado o crescimento no número de tigres encontrados. Já em outras regiões do sudeste asiático, não existe um trabalho consistente de preservação da fauna e flora. A Indonésia, por exemplo, é um dos países com a maior taxa de destruição de florestas do mundo. O Cambódia, onde o tigre já é considerado oficialmente extinto, autoridades estudam a possiblidade de reintroduzir o animal no meio selvagem.

Esta semana, líderes do governo destes países se encontrarão novamente, na Índia, para debater o assunto durante a Asia Ministerial Conference on Tiger Conservation.

O tigre é o maior animal da toda espécie de gatos da Ásia e considerado um dos grandes da natureza. Há 100 anos, acredita-se que havia aproximadamente 100 mil tigres selvagens. Perda de habitat e caça são as razões pelas quais estes animais foram praticamente extintos do planeta.

Agora é hora de comemorar. Aplaudir o trabalho de conservação feito por governos e organizações ambientalistas. Mas sabemos que ainda é preciso fazer mais. Muito mais.

Habitat de tigres asiáticos

Bangladesh – 106
Butão – 103
China – cerca de 7
Índia – 2.226
Indonésia – 371
Laos – 2
Malásia – 250
Nepal – 198
Rússia – 433
Tailândia – 189
Vietnã – menos de 5

Leia também:
Tigre siberiano que viveu em cativeiro volta à floresta e agora dá à luz a dois filhotes
Raramente avistada, onça-pintada é fotografa no Cerrado
Imagens de animais em risco de extinção são projetadas no Empire State Building

Foto: divulgaçãoJames Warwick/WWF

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta