Nova York aprova lei que obriga banheiros masculinos a terem trocadores de fralda

banheiros masculino serão obrigados a ter trocadores de fralda

Já não era sem tempo! Mas apesar de estarmos em pleno século 21, Nova York ainda é – apenas – o primeiro estado americano a implementar uma legislação que, pelo menos nos banheiros públicos, incentiva a divisão de tarefas entre homens e mulheres e o direito de pais gays a cuidarem de seus filhos em qualquer lugar.

Desde 1º de janeiro, todos os banheiros masculinos novos e reformados da cidade, assim como os femininos, serão obrigados a ter trocadores de fralda. A norma se aplica também a restaurantes, cinemas, lojas e locais públicos, como parques. Agora, acabou de vez a desculpa! Papais de plantão também poderão limpar o bumbum de seus filhos.

“Todo pai merece um lugar seguro e limpo para cuidar das necessidades de seus bebês”, disse o governador de Nova York, Andrew Cuomo.

“Não são apenas as mães que trocam fraldas. Os pais precisam se esforçar e fazer sua parte do “trabalho sujo” também… É um passo importante no reconhecimento de mudanças no comportamento dos pais, incluindo uma nova geração de pais gays, como eu, que não deveriam mais ter que mudar a fralda de seus bebês no chão porque não há trocadores de fralda nos banheiros dos homens”, afirmou o senador democrata Brad Hoylman, autor da nova lei.

Tuíte do senador e pai gay, Brad Hoylman, autor do projeto,
celebrando a entrada em vigor da nova lei

Além disso, todas as repartições e espaços públicos deverão oferecer um local em que mães possam amamentar seus filhos. As iniciativas fazem parte da chamada “Agenda da Mulher”, criada por Cuomo.

“Esta legislação apoia nossos esforços para fazer de Nova York um modelo ao país para  pais que trabalham e ajuda a torná-lo um estado mais forte, justo e igual para todos”, afirma o governador.

Em 2016, já havia sido aprovada uma lei federal nos Estados Unidos, conforme noticiamos neste outro post, que determinava que todos os prédios do governo tivessem trocadores de fralda nos banheiros masculinos. Chamada de Babies Act, ela foi sancionada pelo então presidente Barack Obama.

A diferença para a normativa de Nova York é que lá, até os estabelecimentos comerciais e particulares terão que se engajar no movimento da igualdade de gêneros: direitos e deveres iguais para homens e mulheres!

Falta agora que esse tipo de lei chegue ao Brasil. Depois, vai ser a vez de rever a licença paternidade. Nos países escandinavos, o período de licença após o nascimento do filho pode ser compartilhado entre homens e mulheres. Genial, não?

*Com informações da assessoria de imprensa do Estado de Nova York

Leia também:
Nova York proíbe uso e venda de embalagens, pratos e copos de isopor
Nova York processa a gigante do petróleo Exxon por enganar investidores sobre clima
Nova York quer proibir uso de canudos plásticos
Nova York declara guerra aos combustíveis fósseis: processa companhias petrolíferas e pressiona fundos de pensão

Foto: Loriane DiSabatto/Creative Commons/Flickr

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Um comentário em “Nova York aprova lei que obriga banheiros masculinos a terem trocadores de fralda

  • 12 de janeiro de 2019 em 2:01 PM
    Permalink

    Preciso disso aqui já troquei o Gabriel na mesa do restaurante e avisei o gerente: vou fazer isso aqui pq vcs não tem fraldário no banheiro masculino. Kkk

    Resposta

Deixe uma resposta