Neste Natal, que tal dar presentes com história?

Natal é um tempo em que muita gente vai às compras, convertido muitas vezes numa época consumista e de desperdícios. Afinal, pense aí, quantas vezes você já não ganhou um presente que não usou?

Se comprar presente é inevitável, que tal dar presentes com história? Que trazem consigo qualidade, sustentabilidade, comércio justo, cooperação e a valorização de quem faz? E se, no lugar de buscar presentes nos shoppings, você fosse até feiras e espaços que comercializam itens da economia solidária? Já pensou nisso?

A Unisol Brasil (Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários) lançou, há alguns dias, em suas redes sociais, uma campanha singela para incentivar as pessoas a trocarem o consumo por compras inteligentes. E por mais inteligentes quero dizer aquelas que trazem os valores acima.

Para este post, garimpei alguns lugares, aqui em São Paulo, onde você pode comprar presentes da economia solidária:

#Fazer Manual Fest

Promovido pela Rede Articulando de Fomento ao Artesanato Paulista, este evento acontece nos dias 9 e 10/12, das 12h às 19h, no Parque do Jóquei. Além da comercialização de produtos de artesanato, promoverá espaços para discussão nas chamadas tendas de inspiração e conhecimento, onde convidados contarão um pouco sobre seus trabalhos que mesclam arte e artesanato.

Na área das antigas baias do parque serão comercializados trabalhos em artesanato de cerca de 50 empreendimentos solidários, entre eles toy art, caixas, blocos e objetos inspirados na cidade de São Paulo, cerâmicas, bijuterias em vidro, bolsas, brinquedos e muito mais.

Além disso, serão realizados apresentações e debates sobre Artesanato e Design; Políticas Públicas para o Fazer Artesanal, Artesanato e Arquitetura, Artesanato e artes plásticas; e Artesanato e inovação. A Cooperativa Sabores Solidários SP, de alimentação, também participa do evento.

O Parque do Jóquei fica no Butantã, na Rua Santa Crescência 350. Saiba mais detalhes e conheça os expositores na página do Fazer Manual Fest no Facebook.

#Jardim Secreto Fair de Natal

Esta feira promove o conceito compre de quem faz, expondo itens de pequenos produtores, com marcas que muitas vezes trabalham em parceria com empreendimentos econômicos solidários.

Recentemente, a Jardim Secreto promoveu uma edição especial da economia solidária no Museu da Imagem e do Som (MIS). No dia 16/12, será realizada mais uma edição da feira, na qual negócios de economia solidária e pequenas marcas vão expor e comercializar seus produtos: artes, acessórios, papaleria, bolsas, mochilas, carteiras, moda, plantas, artigos infantis.

O evento acontecerá na Praça Dom Orione, no Bixiga, das 12h às 21h. Na praça de alimentação, opções veganas e vegetarianas. Saiba mais detalhes em sua página no Facebook.

#Feira de Artesanato & Alimentação da Ecosol no Tendal da Lapa

Este encontro foi lançado, este ano, de forma experimental, ligado ao Projeto Ecosol SP Como Estratégia de Desenvolvimento, da Prefeitura de São Paulo, e é organizada pela Rede Artesanato Solidário SP.

Será realizada em dezembro, aos sábados, até 16/12, no Tendal da Lapa, das 9h às 18h. Outras informações em sua página no Facebook.

#Feira da Rede de Saúde Mental e Ecosol no Parque Severo Gomes

No dia 10/12, o Parque Severo Gomes abriga mais uma edição desta feira, promovida por empreendimentos da região sul do município de São Paulo que integram a Rede. Cerca de 20 empreendimentos comercializam itens de alimentação, artesanato e acessórios.

O parque fica na Granja Julieta, na Rua Pires de Oliveira 356. Clique aqui para saber mais.

#Ponto Corifeu

O Ponto de Economia Solidária e Cultura do Butantã, popularmente conhecido como Ponto Corifeu, promove uma feira de economia solidária no dia 02/12, mas tem também espaços permanentes onde é possível adquirir artesanato, como a loja Pé à Biru, que comercializa roupas, colares, brincos, decoração e brinquedos produzidos por redes de artesãs, e funciona de quarta a sexta, das 12h às 17h. Ou a livraria Louca Sabedoria, que oferece livros de saúde mental e economia solidária, e funciona no mesmo horário. Lá também é possível comprar secos e molhados de pequenos produtores e orgânicos. E tem almoço delícia na Comedoria Quirim.

O espaço integra a Rede de Saúde Mental e Economia Solidária e está localizado na Rua Corifeu de Azevedo Marques 250. Saiba mais aqui.

#Ponto Benedito

O Ponto Benedito fica bem no coração da Praça Benedito Calixto, em Pinheiros, e é um espaço permanente de debates, atividades culturais e comercialização de itens produzidos por empreendimentos da Rede de Saúde Mental e Economia Solidária.

Lá também é possível tomar uma cerveja Guerrilheira e participar de diversos eventos programados ao longo do mês. Saiba mais aqui.

#Feira de Economia Solidária em Bauru

Promovida pela Rede de Saúde Mental e Ecosol nos dias 8 e 9/12, esta feira integra o Encontro Bauru 30 anos de luta por uma sociedade sem manicômicos. Será realizada na Universidade do Sagrado Coração, no Parque Vitória Régia e na Praça Rui Barbosa, na cidade de Bauru.

Participam da feira empreendimentos da Rede, vindos de cidades como Campinas, Botucatu, Porto Alegre, São Paulo, Belo Horizonte, Itaúna, Ipatinga, Ouro Preto, Betim, Fortaleza, Rio Claro, Blumenau, Goiânia, Hortolândia, Ribeirão Preto, Pelotas, dentre outras.

O encontro é também uma oportunidade para debater este tema tão importante e ainda conhecer o trabalho produzido em diversas partes do país. Saiba mais aqui.

#Tear

O projeto Tear, em Guarulhos, também da Rede de Saúde Mental e Ecosol, comercializa produtos confeccionados em suas oficinas de marcenaria, vitral, tear e costura, serigrafia, mosaico, papel reciclado, encadernação, culinária e jardinagem. Os produtos – cadernos, agendas, brinquedos, objetos decorativos, móveis, adereços, bolsas, estojos, dentre outros itens – podem ser adquiridos na loja do Tear, que fica na Rua Silvestre Vasconcelos Calmon 92 e funciona de segunda a sexta, das 8h30 às 17h. Clique aqui e saiba mais.

#Armazém das Oficinas

Este Armazém fica em Campinas e é a marca dos produtos artesanais e serviços das oficinas oferecidas pelo Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira em parceria com a Associação Cornélia Vlieg, também ligado à Rede de Saúde Mental. Lá podem ser adquiridos itens de decoração e artesanato, cozinha, papelaria, e você ainda pode fazer uma boa refeição no café restaurante.

O espaço fica na Rua Helena Fabrini s/n, no Distrito de Sousas, e funciona de segunda a sexta, das 8h às 18h, e aos sábados das 8h às 13h. Saiba mais aqui.

#Arte e Convívio

A Associação Arte e Convívio fica em Botucatu, e integra também a Rede de Saúde Mental. Nos dias 02 e 03/12 promove um bazar de natal em sua sede, na rua Frederico Tonico de Barros 621, das 10h às 19h. Lá funciona também o Café da Loucura, com muitas comidinhas gostosas. Conheça mais sobre o trabalho aqui.

#Criolê

Localizado em Hortolândia, a Griffe Criolê produz moda afirmativa e 100% artesanal. A Criolê pretende com sua criação fazer uma leitura do conceito afro traduzido para a linguagem brasileira. Preservando técnicas tradicionais de bordados e pinturas, criando novos tecidos e valorizando com cores e estampas, a Criolê faz uma moda alegre e diferenciada e com identidade. Saiba mais aqui.

E você? Conhece algum espaço na sua cidade onde sejam comercializados itens da economia solidária? Deixe seu comentário, aqui, no post!

Imagem: Divulgação

Jornalista e mestre em Antropologia. Coordenou a Comunicação da Secretaria do Verde da Prefeitura de São Paulo – quando criou as campanhas ‘Eu Não Sou de Plástico’ e, em parceria com a SVB, a ‘Segunda Sem Carne’. Colaborou com a revista Página 22, da FGV-SP, e com a Unisol Brasil. Hoje é conectora – trabalha linkando projetos e pessoas de todas as áreas na comunicação para um mundo melhor

Mônica Ribeiro

Jornalista e mestre em Antropologia. Coordenou a Comunicação da Secretaria do Verde da Prefeitura de São Paulo – quando criou as campanhas ‘Eu Não Sou de Plástico’ e, em parceria com a SVB, a ‘Segunda Sem Carne’. Colaborou com a revista Página 22, da FGV-SP, e com a Unisol Brasil. Hoje é conectora – trabalha linkando projetos e pessoas de todas as áreas na comunicação para um mundo melhor

Deixe uma resposta