Mar de lixo no Caribe: a fotógrafa e ativista Caroline Power divulga imagens chocantes e faz campanha contra plásticos



Uma pesquisa rápida no Google sobre lixo no mar rende, no mínimo, 1 milhão e 300 mil resultados. O tema é urgente, gravíssimo, faz parte do noticiário de qualquer parte do mundo diariamente, mas parece que o ser humano não entende.

Aqui no Conexão Planeta, falamos do assunto com frequência, divulgando más notícias ou iniciativas inspiradoras. As mais recentes falam de uma campanha pelo fim dos canudos plásticos, da ação do Instituto Ecosurf, que recolheu mais de 50 mil itens de lixo na praia da Jureia, no litoral paulista, e da decisão do governo da Costa Rica de banir os plásticos de um único uso (os malditos canudinhos, as terríveis colherinhas de café…).

Agora, é o post-manifesto publicado, em 16 de outubro, pela fotógrafa e ativista Caroline Power, em sua página no Facebook, que alerta para o que estamos fazendo com nossas águas pelo mundo.

Ela revela que os arredores da ilha da Bahia, em Roatán, que pertence à Honduras, próximo de onde mora, se transformou num mar de lixo. Ela comentou que a extensão da sujeira acumulada deve ser de cerca de 5 milhas ou mais de 8 km!!!

Sim, as águas cristalinas desse trecho belíssimo do Caribe estão lotadas de resíduos como garfinhos, garrafas e sacolas de plástico, além de pedaços de isopor, bolas, chinelos de borracha, entre outros.

Ao ver parte do mar transparente da região coberto por esses resíduos, ela se deu conta do absurdo que a vida chamada de moderna provoca em nosso quotidiano e como nos entregamos a essas facilidades. Indignada, ela questionou nossos hábitos diários, na companhia de muito plástico e provocou seus seguidores, praticamente lançando uma campanha pela redução desse material no dia a dia:

“Isto tem que parar!!! Pense nas suas atitudes diárias. Como você embala a comida que transporta pela rua? Certamente, em sacolas plásticas. E como come na rua? Com garfo de plástico e depois coloca tudo um saco de plástico. Toma água em garrafas de plástico? Usa sacos de fecho para embalar tudo? Quanto tem de plástico na sua comida?

Você compra papel higiênico que vem embrulhado em plástico em vez de papel? Coloca seus frutos e legumes em sacos de plástico na mercearia?

Eu desafio todas as pessoas e todos os comerciantes a manterem seu lixo guardado por uma semana. Separe seu resíduo orgânico dos recicláveis e mantenha estes em casa por uma semana. Você ficará enojado ao ver quantos itens de uso único você utiliza!”. 

Não foi à toa que seu post e suas imagens viralizaram pela internet rapidamente. A foto de destaque deste post já é terrível. Agora, veja outras imagens publicadas por Caroline:

Fotos: Caroline Power

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na Claudia e Boa Forma, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, considerado o maior portal no tema pela UNF. Integra a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade.

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na Claudia e Boa Forma, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, considerado o maior portal no tema pela UNF. Integra a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade.

Deixe uma resposta