Maior viaduto do mundo para travessia de animais será construído em estrada de Los Angeles

Maior viaduto do mundo para travessia de animais será construído em estrada de Los Angeles

Todos os dias, um número assustador de animais morrem no mundo atropelados, ao tentar cruzar estradas e rodovias.

Só no Brasil, segundo o Centro Brasileiro de Estudos em Ecologia de Estradas (CBEE), 15 deles perdem a vida nessa situação a cada segundo. Por dia, o número chega a quase 1,3 milhões. E por ano, o resultado final, fica próximo de 475 milhões.

Problema igual acontece nos Estados Unidos e mais especificamente, no entorno da cidade de Los Angeles, onde o atropelamento de animais está colocando em risco a sobrevivência do cougar, um leão das montanhas.

Pesquisadores descobriram, através de colares com GPS, colocados nos felinos, que a estrada está os isolando em pequenas áreas das montanhas de Santa Mônica e com isso, eles não encontram parceiros para se reproduzir.

Esperança é que, com a nova passarela, o
leão da montanha volte a procriar

Para tentar ajudar a preservar e aumentar o número de indivíduos da espécie, será construído um viaduto gigantesco para que os animais possam atravessar a US Highway 101.

Com um custo de US$ 87 milhões, o corredor vai conectar áreas da cadeia de montanhas. A abertura da passarela, que tem aproximadamente 60 metros e terá ao longo dela vegetação e árvores nativas, está prevista para 2023. Ela ficará acima de dez pistas da rodovia, por onde passam, diariamente cerca de 300 mil veículos.

Engenheiros e arquitetos estão trabalhando lado a lado com topógrafos e biólogos para evitar que o ruído da rodovia chegue ao viaduto.

“Se tudo der certo, os animais nunca perceberão que estão em uma passarela”, diz Clark Stevens, arquiteto responsável pelo projeto. “Vamos devolver um pedaço do ecossistema que foi perdido.”

A planta do projeto aprovado

A expectativa é que diversas outras espécies de bichos de beneficiem da construção do corredor, como coyotes, veados, cobras, raposas e lagartos.

O projeto conta com vários parceiros, entre eles, o Departamento de Transportes da Califórnia, organizações não-governamentais e empresas privadas.

Leia também:
Pará ganha primeiro viaduto para travessia de animais do Brasil
Antas ganham coleiras luminosas para evitar atropelamentos no Cerrado
Morte e vida pantaneira
Atropelamentos de animais silvestres em rodovia do Mato Grosso do Sul só crescem. E também matam pessoas. Assine a petição!
Sistema de radar detecta animais e alerta motoristas para evitar atropelamentos
Acompanhe o resgate de um animal atropelado e entenda porque o atendimento rápido é tão importante

Fotos: divulgação e reprodução Facebook Save La Cougars

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta