Maior empresa de locação de carros do Brasil vai usar energia solar em todas suas filiais

Maior empresa de locação de carros do Brasil vai usar energia solar em todas suas filiais

Mais uma empresa que consegue enxergar que o futuro tem que ser limpo e sustentável. A locadora de carros Localiza Hertz, maior do setor no país e na América do Sul, anunciou que 100% de suas 419 filiais terão sua demanda por eletricidade abastecida por energia solar até o final de 2019.

Para isso, a companhia fez uma parceria com a Axis Renováveis para a instalação de quatro usinas solares próprias nos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Goiás e Pernambuco.

A estimativa é que, quando em total funcionamento, as plantas produzam 22 milhões de KWh por ano. Com isso, deixarão de ser gerados 3 mil toneladas de dióxido de carbono na atmosfera, o CO2, gás apontado por especialistas como sendo o principal responsável pelo aquecimento global.

Em uma segunda fase, que deverá ser iniciada no próximo semestre, as filiais da locadora receberão painéis fotovoltaicos em seus telhados. O custo total do projeto foi estimado em 20 milhões de reais.

Segundo a empresa, já houve uma redução imediata dos custos com energia em torno de 12% a 16%.

Como mostramos aqui, neste outro post, no início do ano passado, a energia solar tornou-se a fonte renovável mais barata em 58 países, entre eles, o Brasil. Sem subsídios do governo e somente com financiamento nacional, pela primeira vez ela superou a eólica e teve custo competitivo com petróleo, carvão e gás.

Nos países emergentes, a construção de plantas solares cresceu 43% entre 2014 e 2015. Hoje este tipo de fonte já representa metade do que é investido em alternativas limpas para a produção de eletricidade. Este crescimento se deve, sobretudo, à redução de custo dos painéis solares e desenvolvimento de novas tecnologias mais acessíveis.

Leia também:
Energia solar é o setor que mais gerou empregos nos Estados Unidos
Em novo recorde, energia solar foi a fonte que mais cresceu no mundo em 2016
Academia de ginástica totalmente movida a energia solar é inaugurada na Suíça
Estádio de time inglês é movido a energia solar e só serve comida vegana

Foto: domínio público/pixabay

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Deixe uma resposta