Livraria troca garrafas plásticas e latinhas de alumínio por livros infantis

Enquanto alguns governos ainda tomam iniciativas tímidas para combater o problema do lixo plástico no planeta, mais e mais cidadãos se propõem a criar, de maneira individual e inovadora, soluções para dar um fim ou pelo menos, diminuir o impacto dos resíduos plásticos.

Uma dessas ideias inspiradoras vem da pequena cidade de Polla, próximo a Salerno, no sul da Itália. O proprietário de uma livraria, Michele Gentile, ficou chocado com a enorme quantidade de lixo com que se deparou em um terreno baldio.

Incomodado com aquela visão, ele decidiu agir. Fez uma parceria com uma escola local para que os alunos coletassem garrafas plásticas e latinhas de alumínio. Em apenas dois dias, com o volume de material arrecadado, vendido para um centro de reciclagem, foi possível conseguir quase R$ 2 mil. Dinheiro que garantiu a compra de muitos livros, entregues para os estudantes!  

Então, Gentile pensou que ali estava a semente de uma grande iniciativa.

Desde então, na Ex Libris Café, qualquer criança pode trocar um garrafa plástica e um anel de alumínio (de latinhas de alumínio) por um livro. “Minha intenção é disseminar a paixão e o amor pela leitura entre aquelas pessoas que não têm o hábito de ler e também, ajudar o meio ambiente”, disse Gentile, em entrevista à CNN. “Espero que a iniciativa se torne viral e se espalhe pelo país inteiro”.

Que tal pelo mundo, Gentile? Como não se encantar com uma solução simples como esta?

Os livros que são doados às crianças são os “suspensos”, outra ideia que envolve generosidade e amor entre as pessoas. Durante a Segunda Guerra Mundial, surgiu uma iniciativa na Itália que estimulava as pessoas que entravam em um café a pagar por dois – um para ela e outro para alguém que não tivesse condições financeiras de fazer o mesmo. Era o chamado Il Caffè Sospeso, em italiano.

Pois há mais de dez anos, quando Gentile criou sua livraria/café, decidiu também aplicar o conceito do “café suspenso” aos livros. Os clientes poderiam comprar duas obras e deixar uma, como doação, para alguém desconhecido.

Resíduos que iriam para o lixo podem ser trocados por livros

São esses livros, gentilmente comprados por pessoas generosas, que são entregues às crianças na troca pelos resíduos plásticos, além daqueles adquiridos com a venda das latas e garrafas para reciclagem.

“Somente em um dia, doei 60 livros. Imagine se isso se transformar em um jogo: cada criança no mundo trocar uma garrafa e uma lata por um livro. Sei que é apenas um sonho, mas por que não fazer?”

Sonho lindo que pode ser real. Basta mais pessoas, como o italiano, pensarem no bem ao próximo e do planeta.

Projeto lindo, que pode ser replicado em qualquer cidade do mundo

*Com informações da CNN

Leia também:
Lixeiros turcos montam biblioteca com livros e HQs que resgataram do lixo
Livros infantis velhos e esquecidos… e preciosos
A natureza em dez livros inspiradores para crianças
Era uma vez o mundo fantástico dos livros…
15 livros gratuitos para identificar aves
Menina de 10 anos quer ampliar biblioteca com mais de 4 mil livros que mantém em casa

Fotos: reprodução Facebook Ex-Libris Café

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Um comentário em “Livraria troca garrafas plásticas e latinhas de alumínio por livros infantis

  • 18 de fevereiro de 2019 em 7:24 PM
    Permalink

    Melhor ainda se, no assunto dos livros doados, houver referências à Ecologia e Proteção Ambiental porque crianças ecologicamente corretas e antenadas são capazes, não apenas de influenciar positivamente seus pais e mães orgulhosos delas, mas estarão aptas a verticalizar o eixo da Terra com os super poderes de suas frágeis e pequeninas mãos.

    Resposta

Deixe uma resposta