Lisa Simpson celebra 30 anos de ativismo ambiental

Em abril, um dos mais debochados seriados de televisão completou 30 anos no ar. Os Simpsons foi criado pelo cartunista Matt Groening e mostra o comportamento de uma família de classe média americana, que tem um pai bem politicamente-incorreto, mas apesar disso, sua filha caçula é um exemplo de ética e moral.

Por isso mesmo, o Partido Verde da Alemanha deu os parabéns para a pequena Lisa Simpson pelos 30 anos de ativismo ambiental na série. Ao longo de inúmeros episódios, a menina de vestido vermelho levantou questões importantes sobre desmatamento, descarte de resíduos, proteção dos animais, mudanças climáticas e tantos outros temas.

Foi em 1995, por exemplo, depois de visitar uma fazenda e conhecer de perto ovelhas, que Lisa se torna vegetariana. Ao chegar em casa, na hora do jantar, ela simplesmente se recusa a comer carne novamente. Para apoiá-la na decisão, o cantor Paul McCartney e sua esposa Linda (falecida), vegetarianos famosos, aparecem no episódio (assista parte dele ao final deste post).

Em outra história, desta vez comovente, a caçula dos Simpsons tenta salvar uma baleia encalhada na praia. Passa as noites com o grande animal, lendo poesias. Apesar da morte da baleia, Lisa consegue salvar seus filhotes e fazer com que retornem ao mar.

Outros episódios mostram, sempre com o bom humor típico da série, a menina abraçando e dormindo em árvores para que não sejam cortadas (baseado numa história real) e convocando a população da sua cidade a limpar o lago poluído.

Lisa Simpson celebra 30 anos de ativismo ambiental

Então, aqui ficam os parabéns também do Conexão Planeta para esta simpática personagem e engajada ativista! Continue assim Lisa Simpson!!!

Leia também:
“Vegano sem frescura”: livro ensina com muito bom humor receitas de pratos saudáveis e saborosos
Comendo o Planeta: livro revela os impactos ambientais do consumo de carnes e derivados
Alimentação saudável na adolescência
Que tal ficar 21 dias sem comer carne?

Imagens: reprodução Fox/The Simpsons

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta