Já ouviu falar em torneio de arremesso de celular?

torneio de arremesso de celular

*Por Welyton Manoel

Que as mudanças tecnológicas acontecem rapidamente, todos já sabem. E no meio de todas essas atualizações, acabamos não descartando no local correto os aparelhos eletrônicos que não utilizamos mais. Pior que isso, muitas vezes eles, eles vão parar na natureza, provocando grave impacto no meio ambiente.

Mas em Foz do Iguaçu (PR), um evento que já é realizado há quase dez anos, serve como um incentivo à destinação correta para esse material de uma forma bem divertida. É o Torneio Sul-Americano de Arremesso de Celular. Nele, é possível, literalmente, jogar fora todo o lixo eletrônico acumulado.

O coordenador e criador do evento, Gabriel Campos Neto, conta que a inspiração para a realização do evento em foi um torneio parecido, promovido na Finlândia. Para ser feito por aqui, ele passou por algumas modificações e melhorias.

“Colocamos o lado social com a arrecadação de alimentos. No primeiro evento, foram 120 quilos de alimentos doados pela comunidade e este ano, creio que chegue a 12 toneladas. Esses alimentos serão destinados para entidades assistenciais. Também recolhemos mais de 28 toneladas de lixo eletrônico, dando o destino correto para esses materiais.”

Com o passar dos anos, o torneio deixou de ser apenas composto pelo arremesso dos eletrônicos e virou um grande evento para toda a cidade.

“Vai ter o mutirão da saúde, onde a 9ª Regional de Saúde e mais algumas instituições farão alguns tipos de exames (AIDS, hepatite, diabetes, pressão arterial, tudo gratuito para a comunidade), exposição de carros antigos, apresentação de adestramento de cães, exposição da Polícia Ambiental (dos seus equipamentos de trabalho e de conscientização ambiental), recolhimento do lixo eletrônico, brincadeiras para crianças e também teremos distribuição de brindes, como camisetas, bonés e mudas de árvores nativas para aqueles que se inscreverem.”

Outro aspecto importante é a destinação correta que é dada ao lixo recolhido. Tudo o que é depositado é levado para uma empresa especializada nesse tipo de descarte.

“Após o recebimento e entrega, eles dão um certificado ambiental para o evento. O problema do lixo eletrônico não é somente entregar. São os dados, as informações que têm nesses equipamentos como celulares, computadores, máquinas fotográficas, então a empresa é responsável civil e criminalmente para que essas informações não vazem. Ela tem que descartar e destruir todo o disco rígido do equipamento.”

O Torneio Sul-Americano de Arremesso de Celular será realizado no próximo domingo, 1º de outubro, no Gramadão da Vila A em Foz do Iguaçu, a partir das 9h. As inscrições devem ser feitas no local juntamente com a entrega de dois quilos de alimentos não perecíveis.

Além de praticar esporte e se livrar do lixo eletrônico acumulado, os vencedores do evento irão receber vários prêmios como ingressos para o cinema, passeios em atrações turísticas da cidade. E mais: quem conseguir quebrar o recorde do evento, ganhará um pacote completo de viagem para Maceió (Alagoas), com direto a acompanhante. Até hoje, o recorde é de uma arremesso de 102,3 metros, registrado em 2014. O desafio está lançado!

*Texto publicado originalmente em 27/09/2017 no site da Web Radio Água

Foto: DI Itaipu

Portal da Fundação Parque Tecnológico Itaipu, que tem como objetivo ampliar a difusão de boas práticas e conteúdos relacionados à Água, Energia e Sustentabilidade, constituindo assim, uma rede de discussão, apresentação e proposição de ideias e do compartilhamento de soluções e mobilização social

Web Rádio Água

Portal da Fundação Parque Tecnológico Itaipu, que tem como objetivo ampliar a difusão de boas práticas e conteúdos relacionados à Água, Energia e Sustentabilidade, constituindo assim, uma rede de discussão, apresentação e proposição de ideias e do compartilhamento de soluções e mobilização social

Deixe uma resposta