Introdução à Fotografia de Natureza, no Pantanal, com Daniel De Granville

Um dos biomas mais encantadores e surpreendentes do país, o Pantanal, se tornará sala de aula para os interessados em aprender fundamentos básicos e técnicas para a fotografia de natureza. O professor deste workshop imperdível será o biólogo e fotógrafo, Daniel De Granville, um dos colaboradores do blog Por Trás das Câmeras, aqui no Conexão Planeta.

Todos os anos, o ciclo das águas provoca mudanças drásticas no Pantanal, a maior planície alagável de água doce do mundo. Esta savana seca e árida, de maio a novembro, torna-se um enorme pântano durante os meses seguintes. Jacarés, capivaras, ariranhas, onças e aves – incluindo a arara-azul-grande, o maior papagaio do mundo, vêm e vão, seguindo o ritmo das águas. Vivem na região mais de 650 espécies de aves e 130 de mamíferos.

O workshop “Introdução à Fotografia de Natureza” será realizado entre 14 a 18 de junho de 2017. A data foi escolhida propositalmente por ser um feriado nacional, assim fica mais fácil para quem trabalha e gosta de fotografia participar do curso.

O grupo será formado por, no máximo, dez participantes, que estarão sempre acompanhados do fotógrafo-instrutor Daniel De Granville, um assistente fotográfico e guias locais. Alunos e equipe ficarão hospedados a cerca de 4h30 de viagem de Campo Grande, no Refúgio Ecológico Araraúna, parte de um complexo de três fazendas que, juntas, somam mais de 30 mil hectares de áreas preservadas.

As atividades práticas serão realizadas nos melhores períodos do dia para encontrar os animais e aproveitar a luz ideal para fotografar paisagens. Nas horas mais quentes do dia, será a vez das aulas teóricas.

Entre os princípios que serão abordados na teoria estão:

  • Breve histórico e importância da fotografia de natureza;
  • Funcionamento da câmera fotográfica, operação e automatismos;
  • Conceitos sobre fotografia digital: megapixels, fator de corte, ruído digital, alcance dinâmico;
  • Equipamentos fotográficos: câmeras, objetivas, flash, tripés, filtros e outros acessórios;
  • Princípios de técnica fotográfica: velocidade do obturador, abertura do diafragma, sensibilidade ISO, profundidade de campo, fotometria, compensação de exposição;
  • Composição e enquadramento em fotografia de natureza: princípios básicos (linhas, perspectiva, proporções, pontos de ouro, teoria das cores, planos, escolha de temas) e;
  • Pós-processamento de imagens no computador: tratamento digital, formato RAW e impressão.

Daniel De Granville é biólogo com pós-graduação em jornalismo científico e diretor da empresa Photo in Natura. Vive há 20 anos na região do Pantanal e Bonito (MS), onde trabalha como fotógrafo da natureza, ministra workshops de fotografia e atua como guia para públicos de interesses especiais.

Além de exposições e premiações no Brasil, já expôs suas imagens na Alemanha, EUA e Argentina. Colaborador de três livros, realizou documentação fotográfica para instituições como WWF-Brasil, Conservação Internacional, Itaipu Binacional, entre outros.

Apaixonado pela vida silvestre, Daniel gosta de conduzir expedições com objetivos peculiares, como fotografar onças no Pantanal, mergulhar com sucuris no Cerrado ou nadar com botos na Amazônia.


O fotógrafo Daniel De Granville em campo

Fotos: Daniel De Granville e arquivo pessoal

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta