Instalação artística transforma estádio da Áustria em floresta como alerta sobre desmatamento e crise climática

Instalação artística transforma estádio da Áustria em floresta como alerta sobre desmatamento e crise climática

“Um dia, talvez tenhamos que admirar os remanescentes da natureza em espaços especialmente designados, como já é o caso de animais nos zoológicos”.

A frase acima é com um soco no estômago. Um alerta sobre o que o ser humano está fazendo com o planeta. As atividades humanas estão provocando enormes alterações no clima e no meio ambiente e um dos impactos delas é o que os cientistas já chamam de “a sexta grande extinção em massa da Terra”.

Há 30 anos, o suíço Klaus Littmann viu a ilustração abaixo, “A atração interminável da Natureza“, do artista e arquiteto Max Peintne, que produziu uma obra visionária. Durante as últimas décadas, Littmann nunca conseguiu tirar a imagem da cabeça, tão impressionado ficou com ela.

Instalação artística transforma estádio da Áustria em floresta como alerta sobre desmatamento e crise climática

Agora, ele finalmente conseguiu transformar o desenho em uma impactante instalação artística, no estádio de futebol Wörthersee, na cidade austríaca de Klagenfurt.

O campo do estádio virou uma enorme floresta com árvores nativas da Europa Central. São 300 delas, algumas pesando mais de 6 toneladas.

Instalação artística transforma estádio da Áustria em floresta como alerta sobre desmatamento e crise climática

A exposição gratuita “For Forest, que abre no próximo domingo, 8/9, e vai até o final de outubro, é a maior instalação artística, ao ar livre, já realizada na Áustria.

Das 10h da manhã até às 10h da noite, o público poderá admirar a floresta e parar para pensar, se algum dia, em um futuro breve, será essa a única maneira que poderemos ver árvores no mundo, depois que todas tenham sido derrubadas.

A ideia de Littmann é provocar diferentes emoções nas pessoas. Observar a floresta em um lugar completamente inusitado e refletir sobre a interação entre natureza e homem e o grande desafio que as mudanças climáticas impõe sobre a humanidade.  

À direita, o curador da exposição, Klaus Littman, e à esquerda,
o visionário artista que desenhou a ilustração do “estádio floresta”

Quando a exposição acabar, daqui a dois meses, a floresta, composta de diversas espécies de árvores, será transportada, com todo cuidado, para uma área próxima ao estádio, onde será replantada.

Leia também:
#EverydayClimateChange: as mudanças provocadas pela crise climática através das lentes de fotógrafos dos cinco continentes
Quase 600 espécies de plantas foram extintas no planeta nos últimos 250 anos
Call4Nature: cientistas, ambientalistas e celebridades pedem para líderes mundiais salvarem o planeta
Planeta perdeu 12 milhões de hectares de florestas tropicais em 2018. Brasil foi o país que mais desmatou

Fotos: divulgação/© gerhard maurer

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Um comentário em “Instalação artística transforma estádio da Áustria em floresta como alerta sobre desmatamento e crise climática

  • 10 de setembro de 2019 em 2:27 PM
    Permalink

    legal! iniciativas assim nos fazem pensar sobre oque estamos fazendo com o mundo!!

    Resposta

Deixe uma resposta