Insetos, serpentes e aranhas são temas dos novos cursos do Instituto Butantan

Que tal aprofundar seus conhecimentos sobre insetos, aranhas, serpentes, quelônios ou animais venenosos? Ou entender melhor sobre a produção de soros e vacinas e também sobre bioimunidade? Ou ainda aprender a identificar a saúde de um meio ambiente pela presença (ou não) das aves? E a ter noções de fotografia de natureza?

Pois, este mês, o Instituto Butantan abriu as inscrições para os cursos que serão realizados neste primeiro semestre, com ótimos preços.

São 24 cursos de extensão universitária e seis de divulgação científica sobre temas que envolvem saúde, biotecnologia, museologia, ecologia, biologia animal, além de gerenciamento de resíduos, fotografia de natureza, cultura e tecnologia.

A maior parte deles já é comum na programação. E, este ano, há duas novidades: os cursos Conservação da biodiversidade: do discurso à prática e Como trabalhar répteis e evolução no Ensino Fundamental.

As inscrições só podem ser feitas pelo site do Butantan ou por e-mail cursos.cultural@butantan.gov.br. As vagas são limitadas e as inscrições encerram assim que a turma fica completa

Foto: Sensei Minimal/Unsplash

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na Claudia e Boa Forma, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, considerado o maior portal no tema pela UNF. Integra a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade.

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na Claudia e Boa Forma, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, considerado o maior portal no tema pela UNF. Integra a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade.

Deixe uma resposta