Film4Climate: mostre o que o mundo está fazendo para driblar as mudanças climáticas. Inscrições até 15/9

clima de seca extrema

Se você tem entre 14 e 35 anos, gosta de produzir vídeos (ou trabalha com isso) e se preocupa com as mudanças climáticas e o aquecimento global, não pode perder esta oportunidade para divulgar sua mensagem. Além de poder criar à vontade, da visibilidade e do júri formado por talentos do cinema e da literatura especializada, os prêmios a competição global de vídeos Film4Climate são muito especiais.

Lançada pelo Connect4Climateprograma mundial de parceria entre Banco Mundial, Ministério do Ambiente italiano e Ministério Federal Alemão para Cooperação e Desenvolvimento Económico -, a competição tem como missão disseminar ações já adotadas pelas pessoas, em qualquer lugar do mundo, para resolver ou driblar os dilemas impostos pelas alterações do clima.

film4climate-competicao-videos-mudancas-climaticasDivididos em duas categorias – anúncios de serviço público ou Public Service Advertisement  (com menos de um minuto de duração) e curtas-metragem (1 a 5 minutos) -, os vídeos devem ter conexão clara com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável, lançados pela ONU em setembro do ano passado, em cerimônia oficial, e que começaram a valer este ano, com a implantação da Agenda 2030.

Os vídeos podem ser produzidos em qualquer idioma, mas com legendas em inglês, de preferência.

Os prêmios para os três primeiros lugares são de US$ 8 mil, US$ 5 mil e US$ 2 mil, respectivamente. E a competição ainda terá votação popular e prêmios especiais para participantes do Oriente Médio e norte da África e também para produções que abordem os custos das mudanças climáticas e a precificação do carbono.

O cineasta Bernardo Bertolucci é quem preside o júri formado por outros diretores de cinema como Louie Psihoyos (The Cove e Racing Extinction), Robert Stone (Radio Bikini, Pandora’s Promise)Farida Belyazid (Frontieras e Keïd Ensa)Fernando Meirelles (O Jardineiro Fiel), produtores como Lawrence Bender (Uma Verdade Inconveniente, de Al Gore, e Pulp Fiction, de Tarantino) e Martin Katz (Hotel Rwanda), roteiristas e também escritores especializados em mudanças climáticas como o ambientalista Mark Lynas (The God Species e Six Degrees), entre outros profissionais.

As inscrições vão até 15 de setembro e devem ser feitas no site da Connect4Climate.

Agora, assista aos vídeos promocionais da competição Film4Climate:

Foto: Andrew Heavens/Creative Commons/Flickr

Mônica Nunes

Jornalista com experiência em revistas e internet, escreveu sobre moda, luxo, saúde, educação financeira e sustentabilidade. Trabalhou durante 14 anos na Editora Abril. Foi editora na revista Claudia, no site feminino Paralela, e colaborou com Você S.A. e Capricho. Por oito anos, dirigiu o premiado site Planeta Sustentável, da mesma editora, considerado pela United Nations Foundation como o maior portal no tema. Integrou a Rede de Mulheres Líderes em Sustentabilidade e, em 2015, participou da conferência TEDxSãoPaulo.

Deixe uma resposta