ES se compromete a restaurar 80 mil ha de florestas até 2019

parque-nacional-do-caparao-florestas

O Espírito Santo anunciou, durante o 2º Fórum Global em Crescimento Sustentável, realizado em Santiago, no Chile, na última semana, que restaurará 80 mil hectares de florestas nos próximos quatro anos. Essa área equivale a, aproximadamente, 80 mil campos de futebol.

Instituída por lei no Plano Estratégico do governo de 2015/2018, esta contribuição faz parte dos pré-requisitos para o estado se filiar à Iniciativa 20×20, lançada por países da América Latina e Caribe em dezembro de 2014, durante a COP20, em Lima, no Peru.

Para atingir a meta, o Espírito Santo atuará por meio do Programa Reflorestar, que integra o quadro de projetos estruturantes do estado. Coordenado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Seama), por meio do Instituto Estadual de MeioAmbiente e Recursos Hídricos (Iema), o Programa tem o Pagamento de Serviços Ambientais (PSA) como principal ferramenta de estímulo à recuperação de florestas.

O compromisso do Espírito Santo está alinhado com as expectativas brasileiras para lançar um programa nacional de restauração, o Plano Nacional de Recuperação da Vegetação Nativa (PLANAVEG), do Ministério do Meio Ambiente (MMA), que está sob consulta pública.

Iniciativa 20×20 para florestas

A Iniciativa 20×20 tem como objetivo restaurar 20 milhões de hectares de terras degradadas até 2020. Reúne também compromissos nacionais e regionais para a restauração de florestas, ecossistemas, a redução da pobreza e o aperfeiçoamento da produtividade agrícola. Para isso, o programa pretende unir organizações líderes em pesquisa e o setor privado.

Até hoje, nove países e três programas regionais se juntaram à Iniciativa 20×20 com propostas concretas de restauração florestal. O programa conta com o apoio do World Resources Institute (WRI), do International Center for Tropical Agriculture (CIAT), do Centro Agronómico Tropical de Investigación y Ensenanza (CATIE) e da International Union for the Conservation of Nature (ICUN).

Foto: Wikimedia Commons

Jornalista, Marina escreve sobre meio ambiente para diversas publicações brasileiras desde 2011. Já colaborou para veículos como Superinteressante, Exame, VEJA, VEJA SP, M de Mulher, Casa Claudia, VIP, Cosmopolitan Brasil, Brasil Post, National Geographic Brasil, INFO e Planeta Sustentável.

Marina Maciel

Jornalista, Marina escreve sobre meio ambiente para diversas publicações brasileiras desde 2011. Já colaborou para veículos como Superinteressante, Exame, VEJA, VEJA SP, M de Mulher, Casa Claudia, VIP, Cosmopolitan Brasil, Brasil Post, National Geographic Brasil, INFO e Planeta Sustentável.

3 comentários em “ES se compromete a restaurar 80 mil ha de florestas até 2019

  • 16 de fevereiro de 2016 em 4:04 PM
    Permalink

    Puxa, Marina, senti vontade de chorar ao ler esse post tão inspirador, a respeito de um importante compromisso político que nunca aconteceu. A exemplo disso, vivenciamos a tragédia ambiental em MG e ES com o rompimento da barragem da Samarco.

    Resposta
    • 16 de fevereiro de 2016 em 6:35 PM
      Permalink

      Pois é, Kezia. Vergonhoso que logo após assinar um compromisso tão importante tenha acontecido tamanha tragédia ambiental. E fica a questão: será que até 2019 toda essa área vai ser mesmo reflorestada como prometido?
      Obrigada por comentar e por acompanhar o Conexão Planeta!

      Resposta
  • Pingback:Florestas serão restauradas até 2019, promete Espírito Santo

Deixe uma resposta