Campanha Tarja Verde mostra aos brasileiros quais alimentos são saudáveis e ajudam a evitar o câncer

Campanha Tarja Verde quer informar os brasileiros sobre quais alimentos são saudáveis, principalmente para as crianças

Todos os anos, cerca de 600 mil brasileiros são diagnosticados com câncer. E a obesidade é considerada o segundo maior fator como causa da doença no mundo. “Nos últimos 40 anos, a obesidade infantil no Brasil aumentou em aproximadamente dez vezes. Hoje estima-se que de cada 100 crianças no país, treze já são obesas”, alerta o médico oncologista Fernando Maluf.

Para ajudar a população brasileira a fazer escolhas saudáveis na hora de comprar seus alimentos, e dessa maneira, evitar a obesidade e doenças como o câncer, o Instituto Vencer o Câncer lançou a campanha Tarja Verde.

A ideia da iniciativa é que agricultores e empresas fabricantes de alimentos saudáveis (e não processados) identifiquem seus produtos com o selo Tarja Verde e contribuam para a educação alimentar das famílias brasileiras, principalmente as crianças.

Para se engajar nessa campanha, você também pode compartilhar conteúdo, posts, vídeos e informações sobre alimentos Tarja Verde em suas redes sociais.

Já empresas com produtos Tarja Verde podem apoiar o programa inserindo em seus produtos o selo. Para entender como ele funciona, entre em contato com [email protected]

Alimentação x câncer

O câncer ainda é uma das doenças que mais mata no mundo. Só em 2015, foram 8,8 milhões de mortes. Naquele ano, praticamente, uma em cada seis pessoas que perderam a vida foi vítima de algum tipo de câncer, segundo dados da Organização Mundial da Saúde.

Todavia, cerca de 1/3 dessas mortes poderia ter sido evitada com mudanças alimentares e no estilo de vida.

Um estudo publicado, em 2018, no periódico British Medical Journal (BMJ) associou o consumo de comidas ultraprocessadas com o aparecimento do câncer.

Mas o que são exatamente alimentos ultraprocessados? De maneira simples, comida que não é comida ou comida pronta. Ou ainda, comidas produzidas a partir de ingredientes que não são encontrados nas nossas cozinhas. Exemplos desses produtos ultraprocessados são biscoitos e bolos industrializados, salgadinhos, refrigerantes, cereais, congelados e fast food. Em geral, são produtos ricos em aditivos, preservativos, corantes, gorduras saturadas, açúcar e sal. Por outro lado, possuem pouquíssimas fibras e vitaminas.

O artigo foi elaborado por pesquisadores de universidades da França, entre elas, a Sorbonne, e um dos maiores especialistas da atualidade no tema, o brasileiro Carlos Monteiro, professor de Nutrição e Saúde Pública, da Universidade de São Paulo (USP).

Os pesquisadores afirmaram que um aumento de 10% na ingestão de comida ultraprocessada na dieta está relacionado com uma chance 12% maior no desenvolvimento de alguns tipos de câncer e 11%, especificamente, no câncer de mama. Participaram da pesquisa 104 mil pessoas, maiores de 18 anos, que descreveram seus hábitos alimentares diários.

Leia também:
Excesso de peso e obesidade respondem por 15 mil casos de câncer por ano no Brasil
Pesquisadores brasileiros e americanos descobrem molécula com potencial para tratar o câncer de ovário
Proteína da semente de uma árvore brasileira inibe progressão do câncer de mama
Hamburguer com fibra de abacaxi contra a obesidade
Proibida publicidade que interfira na amamentação infantil
Será que a carne do hamburguer que você está comendo tem antibióticos?
Alimentação saudável na adolescência

Fotos: reprodução Campanha Tarja Verde

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Um comentário em “Campanha Tarja Verde mostra aos brasileiros quais alimentos são saudáveis e ajudam a evitar o câncer

  • 7 de fevereiro de 2020 em 5:22 PM
    Permalink

    Ufa! Até que enfim uma notícia que vai melhorar e muito, nosso jeito de viver.

    Resposta

Deixe uma resposta