Campanha global pede o fim do uso de animais em testes na indústria de cosméticos

Campanha global pede o fim do uso de animais em testes na indústria de cosméticos

Estima-se que todos os anos mais de 115 milhões de animais sejam usados em laboratórios de teste pelo mundo.  Muitos passam por procedimentos cruéis. Apesar da grande maioria dos países ainda permitir experimentos com animais para o desenvolvimento de cosméticos, inclusive o Brasil, atualmente já existem métodos alternativos substitutivos (culturas de células e tecidos, métodos químicos e computacionais) mais seguros e confiáveis do que os testes com bichos. Além de pouparem vidas, eles garantem maior segurança dos cosméticos para os humanos. 

Agora, a campanha internacional Para Sempre Contra Teste em Animais, criada em 2017 pela marca inglesa de cosméticos The Body Shop, ganha o apoio no Brasil da AMPARA Animal, organização que luta pela proteção animal.

A iniciativa consiste em um abaixo assinado online que será submetido à Organização das Nações Unidas (ONU) para influenciar a mudança na legislação de seus 189 países signatários. O objetivo é banir, até 2020, testes em animais com finalidade cosmética em produtos e ingredientes em todo o mundo.

Para isso, a campanha quer chegar a 8 milhões de assinaturas. Até este momento, 5,3 mihões de pessoas já colocaram seu nome na petição.

Há quase 30 anos a The Body Shop luta pelo fim do uso de animais em testes de cosméticos. Em 1998, graças a pressão feita pela empresa, o governo do Reino Unido proibiu experimentos de produtos e ingredientes em animais para finalidade cosmética. Anos mais tarde, em 2003, campanhas em parceria com Cruelty Free International, resultaram na proibição dos testes na  União Europeia.

Aqui no Brasil, a união de forças entre a marca inglesa e a AMPARA animal, prevê uma série de ações conjuntas para ampliar a conscientização em relação a esses tipos de experimentos.

Então, ajude a atingir a meta dos 8 milhões de assinaturas. Assine já a petição neste link.

Leia também:
Brasileira recebe prêmio internacional por pesquisa com alternativa a testes com animais
#AnvisaPoupeVidas: ajude a evitar a morte de milhares de animais em testes de agrotóxicos
A história dos produtos influencia seu consumo?

Foto: divulgação

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para várias publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, acaba de mudar para os Estados Unidos

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para várias publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, acaba de mudar para os Estados Unidos

Um comentário em “Campanha global pede o fim do uso de animais em testes na indústria de cosméticos

  • 28 de abril de 2018 em 8:00 PM
    Permalink

    Pobres animais, quando não estão sendo comidos, estão sendo caçados, oferecidos em rituais, experienciados em laboratórios, explorados em Zoos, castigados para dançar nos Circos porque os milênios passam mas o ser humano não progride, preferindo continuar o irracional de sempre, muito longe de superior e nada parecido à imagem e semelhança Dele.

    Resposta

Deixe uma resposta