Campanha arrecada frascos de vidro para doação de leite materno em todo país

Campanha arrecada frascos de vidro para doação de leite materno em todo país
Amamentar é um ato de amor que a toda mãe pode dar ao filho e que ele levará como um presente para o resto da vida. Este vínculo emocional ligará para sempre mãe e bebê. O leite materno é a primeira e mais importante vacina da criança, e além disso, possui todos os nutrientes necessários para o crescimento saudável do nenê.

Infelizmente, nem todas as mães conseguem ou podem amamentar seus filhos. Nestes casos, o leite humano é importantíssimo para o desenvolvimento dos bebês, principalmente aqueles nascidos prematuros ou com baixo peso.

Anualmente a Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano (rBLH) da Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz) necessita de 18 mil frascos para garantir a nutrição dessas crianças. Mas nem sempre ela consegue arrecadar a quantidade suficiente.

Pois para marcar o Dia Mundial de Doação de Leite Humano, celebrado no próximo sábado, 19/05, a entidade está lançando a campanha Aqui Tem Vida para estimular a doação de frascos de vidros em todo Brasil.

Entre 18 e 28 de maio, será possível doar em shoppings de diversas cidades do país. Os frascos devem ser de até 500g, com tampa de plástico e boca larga, como os de café solúvel ou maionese. E sempre de vidro!

Confira abaixo os pontos de coleta:

Brasília
Shopping Conjunto Nacional

Porto Velho
Porto Velho Shopping

Cuiabá
Pantanal Shopping

Vale do Paraíba (SP)
CenterVale Shopping

Campinas
Shopping Parque das Bandeiras

ABC Paulista
Golden Square Shopping

São Paulo
Shopping Metrô Itaquera
Shopping Eldorado

Rio de Janeiro
Rio Design Barra
Rio Design Leblon
Botafogo Praia Shopping
Shopping Boulevard
Shopping Nova América
Shopping Nova Iguaçu

Fortaleza
North Shopping Fortaleza
North Shopping Maracanaú
North Shopping Jóquei
Via Sul Shopping

Natal
Natal Shopping

A campanha Aqui Tem Vida tem a parceria da rede de shoppings Ancar Ivanhoe. “A embalagem adequada para a doação é um ponto sensível para a gente, angariar frascos significa aumentar nossa capacidade operacional. A campanha vai coroar toda essa ação, vai ser um marco importante até porque nossa expectativa é também divulgar que os bancos de leite são uma casa de apoio à amamentação e estão de portas abertas para qualquer mulher que tem dificuldade para amamentar”, diz João Aprigio Guerra de Almeida, coordenador da rBLH.

Doação de leite humano

No Brasil, por ano, aproximadamente 150 mil litros de leite humano são coletados, processados e distribuídos a recém-nascidos de baixo peso internados em unidades neonatais.

O país possui a maior e mais complexa Rede de Bancos de Leite Humano do mundo e é modelo para a cooperação internacional em mais de 20 países das Américas, Europa e África.

Mas vale destacar que não são apenas mulheres em período de amamentação, com leite em excesso, que podem doar. Um litro de leite materno pode alimentar até dez recém-nascidos por dia. A depender do peso do prematuro, um (1) ml já é o suficiente para nutri-lo cada vez que for alimentado.

Além disso, a produção de leite humano obedece à lei da demanda, ou seja, quanto mais leite é retirado (para doação ou sugado pelo seu bebê), mais ele é produzido.

Todo o leite doado é sempre analisado, pasteurizado e submetido a um rigoroso controle de qualidade antes de ser ofertado a uma criança.

Se você acha que pode ser uma doadora, mas tem dúvidas de como fazer, acesse já a página da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano.

*Com informações e reprodução de textos da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano

Leia também:
Semana Mundial da Amamentação encoraja mães a amamentar sempre e em qualquer lugar
Amamentação vale ouro!
Bebês só devem tomar suco de fruta depois de um ano, diz nova recomendação de pediatras americanos
Proibida publicidade que interfira na amamentação infantil

Imagem: divulgação

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Deixe uma resposta