Belezas e surpresas do fundo do mar nas imagens premiadas do Underwater Photographer of the Year

Belezas e surpresas do fundo do mar nas imagens premiadas do Underwater Photographer of the Year

O mundo submarino é belo, fascinante e misterioso. Milhões de espécies vivem sob a água dos oceanos, longe dos olhares curiosos dos seres humanos.

Apenas poucos, como alguns fotógrafos de natureza, têm o privilégio de registrar a exuberância da vida marinha. Essa não é uma tarefa fácil. Exige coragem, persistência e muito preparo físico.

Em sua 4ª edição, o concurso internacional Underwater Photographer of the Year anunciou recentemente os grandes vencedores de 2019.

O prêmio principal ficou com o fotógrafo britânico Richard Barnden, que registrou a caça noturna de tubarões por alimentos no Oceano Pacífico.

O embate entre predador e presa levou o 1o lugar

“Ao descer na escuridão, senti meu coração batendo um pouco mais rápido que o normal, já que centenas de tubarões cobriam o fundo”, contou Barnden. “Um peixe-papagaio azarado se esquivou para dentro e para fora das cabeças de coral, procurando um lugar para se esconder enquanto enxames de tubarões seguiam em perseguição. Um tubarão de recife cinza agarrou de repente o peixe-papagaio pela cabeça enquanto o outro se contorcia embaixo para conseguir uma melhor aderência. Em desespero, ele se arremessou diretamente em minha direção quando fiz algumas imagens. Me encolhi como uma bola enquanto o frenesi de tubarões passava, deixando apenas algumas escamas di peixe-papagaio pra trás”.

Na categoria Grande Angular, o vencedor foi o francês François Baelen, com a fotografia “Gigantes Gentis”, que abre este post. Ao final do dia, ele flagrou uma baleia jubarte, descansando a 15 metros abaixo da superfície da água. “As baleias jubarte são animais incríveis e pacíficos e não consigo acreditar que, ainda hoje, elas continuam sendo caçadas pelo homem”, afirmou Baelen.

Confira abaixo as demais ganhadoras de cada categoria:

Categoria Macro
“Lula rápida”
Fabio Iardino (Itália)

Categoria Fotógrafo de Conservação Marinha
“Tartaruga Caretta caretta”
Eduardo Acevedo (Espanha)

Categoria Retrato
“Voe alto e sorria
Nicholas Samaras (Grécia)

Categoria Compacto
“Cabeludo ao por do sol”
Enrico Somogyi (Alemanha)

Categoria Branco e Preto
“Entre dois mundos”
Henley Spiers (Filipinas)

Fotos: divulgação Underwater Photographer of the Year

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante 6 anos. Entre 2007 e 2011, morou na Suíça, de onde colaborou para publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Depois de dois anos e meio em Londres, vive agora em Washington D.C.

Deixe uma resposta