Anunciados finalistas do concurso Wildlife Photographer of the Year 2017

Imagens finalistas do Wildlife Photographer of the Year 2017

Promovida pelo Museu de História Natural do Reino Unido há mais de 50 anos, a competição internacional Wildlife Photographer of the Year premia anualmente as melhores imagens de vida selvagem registradas por fotógrafos de natureza. Além de promover o trabalho destes profissionais, o objetivo da entidade é levar estes registros até milhões de pessoas e assim, conscientizá-las sobre a importância da preservação e conservação da fauna do planeta.

Todos os anos o Wildlife Photographer of the Year recebe milhares de inscrições, vindas dos mais distantes países. Alguns fotógrafos brasileiros já ficaram entre os finalistas e foram premiados na competição, entre eles, nossos colaboradores no blog Por Trás das Câmeras, Zig Koch, João Marcos Rosa, Marcos Amend e Adriano Gambarini.

A partir de 20 de outubro, o Museu de História Natural de Londres abrirá a mostra com os finalistas e os grandes vencedores do Wildlife Photographer of the Year 2017. Os visitantes poderão ver de perto as imagens – e as histórias de como foram conseguidas. A exposição é uma das mais concorridas do museu, atraindo milhares de visitantes todos os anos.

Este ano foram selecionadas 100 fotografias, entre as mais de 50 mil enviadas, vindas de 92 países.

Elas são o resultado do esforço e paciência de pessoas apaixondas por fotografia e animais. Alguns exemplos deste trabalho podem ser vistos na imagem do fotógrafo francês Laurent Ballesta, que registrou a mãe levando o filhote para o primeiro mergulho nas água geladas da Antártica ou então, o registro fantástico do lobo branco, no Ártico, carregando um ovo de ganso feito, pelo russo Sergey Gorshkov, abrindo a galeria ao final deste post.

Há ainda o lindo abraço da mãe e do filhote urso, captado pela jovem americana Ashleigh Scully, que concorre na categoria 11 a 14 anos.

Na foto de abre deste post, está o trabalho do fotógrafo alemão Klaus Nigge, mostrando os detalhes impressionantes de um gavião ensopado, depois de vários dias de chuva.

Confira abaixo, em primeira mão, alguns dos outros finalistas do Wildlife Photographer of the Year 2017:


“The insiders”, Qing Lin


“Glimpse of a lynx”, Laura Albiac Vila


“Resplendent delivery”, Tyohar Kastiel


“Sewage surfer”, por Justin Hofman 

 

Fotos: divulgação Wildlife Photographer of the Year 2017

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

Suzana Camargo

Jornalista, já passou por rádio, TV, revista e internet. Foi editora de jornalismo da Rede Globo, em Curitiba, onde trabalhou durante seis anos. Entre 2007 e 2011, morou em Zurique, na Suíça, de onde colaborou para diversas publicações brasileiras, entre elas, Exame, Claudia, Elle, Info, Superinteressante e Planeta Sustentável. Desde 2008 , escreve sobre temas como mudanças climáticas, energias renováveis e meio ambiente. Atualmente vive em Londres.

3 comentários em “Anunciados finalistas do concurso Wildlife Photographer of the Year 2017

  • 14 de setembro de 2017 em 5:14 PM
    Permalink

    QUERO PARABENIZAR LOS PELO BELO TRABALHO EXECUTADO. ÓTIMO !

    Resposta
  • 23 de setembro de 2017 em 11:03 AM
    Permalink

    Alguém saberia dizer se o Brasil recebe essa exposição?

    Resposta
    • 25 de setembro de 2017 em 7:05 AM
      Permalink

      Oi Sheila,
      Infelizmente não. Ela só fica no Museu de História Natural de Londres.
      Abraço,
      Suzana

      Resposta

Deixe uma resposta